link para a página principal do portal
Tamanho da Letra   menor ou maior
formulário de busca
Globalização neoliberal, trabalho, família e saúde das mulheres em um caso brasileiro: Bahia, 1975 e 2000

Departamento: DCS - DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS

Programa de pós-graduação: SAÚDE PÚBLICA

Linha: GÊNERO E SAÚDE

Grupo: NÚCLEO DE GÊNERO E SAÚDE

Subárea de Conhecimento: 4060000-9

Descrição do projeto:
objetivo: estudar a conciliação de família e trabalho em 2 coortes de mulheres em profissões de nível superior (médicas, advogadas, engenheiras e arquitetas), tendo em vista a privatização de serviços públicos que aumenta o custo de vida familiar e resultou na precarização do mercado de trabalho para estas profissões.
metodologia: 50 entrevistas semi-estruturadas foram realizadas em 1975 com mulheres selecionadas aleatoriamente dos conselhos profissionais, e 50 foram realizadas em 2000, esta vez com mulheres que entraram no mercado de trabalho a partir de 1980, no contexto das políticas neoliberais.

Comparação mostra a crescente importância da renda feminina para a família, e uma crescente igualdade na divisão generificado do trabalho profissional e doméstica, junto com uma queda da qualidade de vida destas mulheres, seus filhos, e seus companheiros.

Natureza:

  • Pesquisa

Ano do início do projeto: 1975

Ano do fim do projeto: 2009

Coordenador: KAREN MARY GIFFIN

 
Quinta, 20 de Junho de 2019

ENSP NA WEB

facebook twitter Instagram youtube Soundcloud

BAIXE O APP DA ENSP

Google Play Store Apple App Store

Este portal é regido pela Política de Acesso Aberto ao Conhecimento,
que busca garantir à sociedade o acesso gratuito, público e aberto ao conteúdo integral de toda obra intelectual produzida pela Fiocruz.


Creative Commons License

O conteúdo deste portal pode ser utilizado para todos os fins não comerciais, respeitados e reservados os direitos morais dos autores.