link para a página principal do portal
Tamanho da Letra   menor ou maior
formulário de busca

A ENSP desenvolve, como marco estratégico de uma Escola de Governo, diversas atividades no âmbito da cooperação internacional, ações essas alinhadas às políticas de relações internacionais do Ministério da Saúde, em particular no que diz respeito ao protagonismo das ações de cooperação Sul-Sul. Toma como conceito-chave a construção de uma Cooperação Estruturante em Saúde, modelo esse centrado no apoio ao fortalecimento dos sistemas de saúde dos países parceiros, no sentido de gerar capacidades locais capazes de responder às mudanças na atenção e na promoção da saúde nessas nações em processo de desenvolvimento.

Nesse sentido, a ENSP vem ampliando esforços para a construção de uma política institucional internacional, fortalecendo sua atuação junto a instituições, organismos e governos de países da América Latina, Caribe e África, sem desconsiderar a importância de parcerias historicamente construídas com países mais desenvolvidos. Através da formulação de diversos cursos e programas de formação para quadros estratégicos do setor saúde de países parceiros, do apoio ao desenvolvimento e aprimoramento de sistemas e modelos de atenção em saúde e do desenvolvimento conjunto de projetos estratégicos de pesquisa, a ENSP busca contribuir para a consolidação do papel da Fiocruz e do Brasil no cenário da Saúde Pública de âmbito internacional.

| saiba mais |

Notícias

Brasil e Cuba avançam na formação profissional e no aperfeiçoamento dos sistemas de saúde

Iniciou, na segunda-feira, 19 de setembro, na cidade de Havana, Cuba, o II Colóquio Brasil-Cuba de Formação em Saúde Pública, evento que reúne as principais escolas e institutos de saúde pública desses dois países. Seu objetivo é discutir os desafios e estratégias para o aprimoramento permanente das capacidades formativas do campo, com base na apresentação, discussão e intercâmbio de ideias e experiências bem-sucedidas neles ocorridas. Este ano, o evento coincide com a realização da segunda turma do Programa de Estágio Internacional da ENSP, que permite a alunos dos programas de residência médica e multiprofissional da Escola a vivência única das peculiaridades e do funcionamento do Sistema de Saúde cubano, enfatizando a Atenção Primária em Saúde.

Três décadas da 8ª CNS: 62 anos da ENSP resgatam a essência da Reforma Sanitária

Na semana de 12 a 16 de setembro, a Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (ENSP/Fiocruz) celebrará 62 anos relembrando um dos principais momentos de luta pela universalização da saúde no Brasil: a 8ª Conferência Nacional de Saúde. Com o tema, Saúde é nossa conquista e nosso direito: 30 anos da 8ª Conferência Nacional de Saúde, a ENSP, além de resgatar a importância histórica do evento, pretende alertar para os diversos ataques à democracia e ao Sistema Único de Saúde da atual conjuntura. O presidente da Fiocruz, Paulo Gadelha, e o diretor da ENSP, Hermano Albuquerque de Castro, farão a abertura das atividades no dia 12 de setembro, às 9h, no auditório térreo. A semana reunirá atividades acadêmicas, científicas e culturais, sendo destinada a alunos, professores, pesquisadores, profissionais de saúde e toda a comunidade Fiocruz. Confira a programação completa.

Avaliação da Pós-Graduação: É preciso pensar em mudanças a curto, médio e longo prazos, apontam pesquisadores

A necessidade premente de mudanças no sistema de avaliação que rege os programas de pós-graduação do país foi a questão central abordada pelos palestrantes Maurício Barreto e Guilherme Werneck durante a mesa-redonda O Sistema de Avaliação da Pós-Graduação no Brasil: avanços, limites e possibilidades. Tanto um como o outro defenderam, de forma consensual, a primordialidade de alterações no sistema. O encontro foi proposto pela coordenadora do Programa de Pós-graduação em Saúde Pública da ENSP, Cristiani Vieira Machado, e teve como objetivo refletir a respeito das características e desafios do sistema atual de avaliação do país, que influenciam de forma contundente no trabalho das organizações, com os docentes e alunos da Escola. Os vídeos das palestras estão disponíveis, na íntegra, no Canal da ENSP no Youtube. Confira!

Fiocruz na luta pela defesa do SUS

"Defendemos o Sistema Único de Saúde. A constituição do SUS é um marco da contemporaneidade da Fiocruz. Ele representa todos os nossos valores e a nossa maneira de pensar a cidadania, a democracia. O SUS é o nosso ponto de referência"! Foram com essas palavras que o presidente da Fiocruz, Paulo Gadelha, convocou os trabalhadores da Fundação a se unir para enfrentar uma "conjuntura complexa, incerta e adversa", que traz ameaças ao Sistema Único de Saúde e às conquistas da instituição. Gadelha esteve presente na reunião do Conselho Deliberativo da ENSP desta terça-feira (5/7), cuja principal pauta debateu a conjuntura nacional e da saúde. Na opinião do diretor da ENSP, Hermano Castro, "a reunião cumpriu o papel de ajustar, junto com a Presidência, as políticas públicas internas naquilo que é de interesse da sociedade e do SUS".

 

Este portal é regido pela Política de Acesso Aberto ao Conhecimento,
que busca garantir à sociedade o acesso gratuito, público e aberto ao conteúdo integral de toda obra intelectual produzida pela Fiocruz.


Creative Commons License

O conteúdo deste portal pode ser utilizado para todos os fins não comerciais, respeitados e reservados os direitos morais dos autores.