Evento debaterá perspectivas inovadoras sobre tuberculose

Publicada em
 
 
 

A swissnex Brazil organizará no dia 11 de abril, às 18h30, um painel com pesquisadores da Suíça e do Brasil para apresentar diferentes perspectivas sobre tuberculose. No evento, especialistas abordarão aspectos sobre a ocorrência da tuberculose no Brasil e variações multirresistentes da bactéria, que atinge desde populações de áreas urbanas que residem em favelas até comunidades indígenas em regiões remotas. O pesquisador Paulo Basta, da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, será um dos convidados.
 
O evento HealthTalks@swissnex vai proporcionar a conexão entre a experiência de profissionais que trabalham no campo enfrentando esta doença e cientistas que pesquisam nos laboratórios sua história e evolução.
 
Tuberculose
 
A tuberculose é vista como uma doença do passado e muitas pessoas ainda se surpreendem quando ouvem falar dela hoje em dia. Porém, a tuberculose matou ao menos 1,7 milhão de pessoas em 2017, segundo a Organização Mundial de Saúde, e é a doença transmitida por via respiratória que mais mata no mundo.

 
Palestrantes confirmados:
 
Dra. Daniela Brites
A Dra. Daniela Brites é cientista do Swiss Tropical and Public Health Institut na Basileia, Suíça. Ela é uma bióloga interessada em entender como o complexo Mycobacterium tuberculosis evolui e como a diversidade genética bacteriana afeta a apresentação clínica da Tuberculose, utilizando genômica e bioinformática. Daniela vai apresentar seu estudo sobre o sequenciamento genômico completo de cepas multirresistentes da bactéria Mycobacterium tuberculosis no Rio de Janeiro.
 
Dra. Kátia Maria Braga Edmundo
Doutora em Psicossociologia de Comunidade e Ecologia Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é Diretora Executiva do Centro de Promoção da Saúde (CEDAPS) e Professora no Mestrado Profissional em Saúde da Família (UNESA). Atua na área de Saúde Coletiva, com ênfase em Saúde Pública, Movimentos Sociais e Desenvolvimento.
 
Prof. Dr. Paulo Cesar Basta
Doutor em Saúde Pública pela Fundação Oswaldo Cruz, atua como pesquisador na Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca(ENSP/Fiocruz). Sua pesquisa é voltada para a área de saúde pública com ênfase em epidemiologia, ambiente e saúde dos povos indígenas. Suas pesquisas com a tuberculose são focadas em povos indígenas e áreas remotas.
 
Dr. Jadel Kratz (mediador)
Farmacêutico, é Gerente de Pesquisa e Desenvolvimento na DNDi América Latina (iniciativa Medicamentos para Doenças Negligenciadas), instituição líder em atividades de química medicinal focadas em doenças tropicais.
 
Após o painel, haverá oportunidade de networking entre os presentes.
 
O evento será em português.
 
Faça aqui sua inscrição.

Dia: dia 11 de abril de 2019, às 18h30
Local: swissnex Brazil - Rua Cândido Mendes, 157, Glória (próximo ao metrô), Rio de Janeiro.

Nenhum comentário para "Evento debaterá perspectivas inovadoras sobre tuberculose"

Ninguém ainda comentou esta matéria. Seja o primeiro!

comente esta matéria

Utilize o formulário abaixo para se logar.