Ministério da Saúde

Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca

Pós-Graduação em saúde pública e meio ambiente

O Programa de Saúde Pública e Meio Ambiente iniciou suas atividades em 2006 e tem seus cursos credenciados pela Capes. Saiba mais

Destaque

Mestrado e doutorado ENSP 2018: confira os editais

A chamada pública para processo seletivo 2018 dos programas stricto sensu (mestrado e doutorado) da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (Saúde Pública, Saúde Pública e Meio Ambiente e Epidemiologia em Saúde Pública) já está disponível na Plataforma SigaSS e no Portal de Ensino da ENSP. As inscrições estarão abertas no período de 1a 24 de setembro. Todos os candidatos deverão enviar o formulário de inscrição, juntamente com a documentação exigida, por correio eletrônico. O prazo máximo para envio é 24/09/2017, às 23:59h (horário de Brasília). Leia os editais.

Pesquisa analisa evolução nutricional de lactentes nascidos prematuros

No dia 4 de julho, apresentação de dissertação de mestrado em Saúde Pública e Meio Ambiente Evolução nutricional de lactentes nascidos prematuros, acompanhados durante o primeiro ano de vida, no ambulatório de seguimento de um hospital de referência do Rio de Janeiro, por Daiana Belen Lopez, a partir das 9 horas, na sala 41 do prédio do Cesteh/ENSP. 

Programa de Saúde Pública e Meio Ambiente da ENSP se pronuncia sobre saída dos EUA do Acordo do Clima

Poucos dias antes da data estabelecida pela Assembleia Geral das Nações Unidas como o Dia Mundial do Meio Ambiente - lembrado em 5 de junho -, o presidente dos Estados Unidos da América, Donald Trump, anunciou a saída do país do Acordo do Clima. A notícia caiu como uma bomba em todo o mundo, visto que o acordo tem o propósito de controlar e gerir melhor os efeitos globais, regionais e locais da mudança do clima. Celebrado em Paris em dezembro de 2015, o acordo representa um grande avanço global, pois, praticamente, todos os países do mundo assumiram o compromisso de reduzir emissões de gases contribuintes para o efeito estufa (GEE), com o objetivo de manter o aquecimento global médio abaixo de 2 ºC neste século. O Programa de Pós-Graduação em Saúde Pública e Meio Ambiente da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (ENSP/Fiocruz), na pessoa da professora Martha Barata, elaborou uma carta na qual reflete sobre o impacto do anúncio realizado pelo presidente da Nação que muito contribui para a mudança do clima. Confira, a seguir, a carta da professora Martha Barata, pesquisadora do Instituto Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz), que trabalha com o tema desde 1994.

Documentos

Copyright 2006 ENSP/FIOCRUZ. Todos os direitos reservados.