link para a página principal do portal
Tamanho da Letra   menor ou maior
formulário de busca
Estudo da factibilidade da aplicação das medidas de intervenção na realidade local, formuladas pelos alunos do “mestrado profissional em gestão do trabalho e da educação na saúde”

Departamento: DAPS - DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO E PLANEJAMENTO EM SAÚDE

Programa de pós-graduação: SAÚDE PÚBLICA

Linha: PROFISSÃO E GESTÃO DO TRABALHO E DA EDUCAÇÃO EM SAÚDE

Grupo: PROFISSÃO, TRABALHO E SAÚDE

Subárea de Conhecimento: 4.06.00.00-9

Descrição do projeto:
Objetivos / Hipóteses: O objetivo principal deste projeto é pesquisar a factibilidade da aplicação das medidas de intervenção na realidade local formuladas pelos alunos do “Mestrado Profissional em Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde”, da ENSP, Turma 2008/2009, nas respectivas instituições de origem. Se busca avaliar se, e em que grau, o egresso do MP conseguiu implantar no seu local de trabalho a proposta de intervenção elaborada durante o MP, buscando-se informações que permitam comentar as dificuldades e facilidades apontadas pelos egressos no processo de implantação de seus projetos.
Objetivos específicos: 1) Ouvir dos egressos comentários sobre eventuais mudanças, percebidas por eles próprios ou comunicadas por terceiros, na atuação de cada um deles na instituição de origem; 2) A partir da análise das falas dos egressos, construir um conjunto de medidas a serem incorporadas ao próprio MP, em turmas futuras, como forma de fornecer subsídios para uma melhor incorporação dos projetos de intervenção

Material e métodos
A pesquisa será qualitativa, aproximando-se do conceito de estudo de caso (Minayo, 2010), sem ter a proposta de sê-lo, já cada egresso irá comentar sobre sua realidade individual. Esta abordagem permite se captar as percepções individuais, inclusive na perspectiva das história de cada egresso durante e depois da realização do curso. Serão realizadas entrevistas para preenchimento, segundo modelo anexo (Anexo I), com a finalidade entender melhor se o projeto de intervenção de cada aluno pôde ou não, e em que medida, ser implementado. Como ponto de partida será utilizado o projeto de intervenção descrito na dissertação de cada um, atentando-se para que a proposta original poderia ou não ter sofrido modificações antes mesmo de ser implementada, por diversos fatores. O universo previsto é de 30 sujeitos, ou seja, todos os egressos do curso 2008/2009.
Instrumentos de coleta de dados: O contato inicial será feito através de email e/ou telefone. A entrevista será individual, após a assinatura do TCLE, em local acordado com o egresso previamente, de maneira a garantir sigilo e privacidade. A mesma será gravada para posterior transcrição, ficando o acesso aos dados restrito aos pesquisadores responsáveis, que também deverão guardar todo o material pelo prazo de 5 anos após o término da mesma. A concordância em participar da pesquisa será ratificada pela assinatura de Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE) específico para esta pesquisa. Considerando que o desenho do estudo é de pesquisa de egressos, não se julga necessária a autorização de cada instituição, que já forneceram à ENSP, na ocasião da inscrição dos candidatos ao mestrado, as autorizações para a participação de cada candidato. Além disso, o objeto é o resultado do trabalho desenvolvido por cada um durante o curso, consolidado nas dissertações.

Natureza:

  • Pesquisa

Ano do início do projeto: 2011

Ano do fim do projeto: 2017

Coordenador: SÉRGIO PACHECO DE OLIVEIRA

 
Quinta, 21 de Novembro de 2019

ENSP NA WEB

facebook twitter Instagram youtube Soundcloud

BAIXE O APP DA ENSP

Google Play Store Apple App Store

Este portal é regido pela Política de Acesso Aberto ao Conhecimento,
que busca garantir à sociedade o acesso gratuito, público e aberto ao conteúdo integral de toda obra intelectual produzida pela Fiocruz.


Creative Commons License

O conteúdo deste portal pode ser utilizado para todos os fins não comerciais, respeitados e reservados os direitos morais dos autores.