1. Debate abordará o eSocial e suas implicações para Saúde do Trabalhador

    O Cesteh/ENSP realizará na quinta-feira, 22 de novembro, o debate O eSocial e suas implicações para Saúde do Trabalhador. A atividade contará com a participação da representante do Ministério do Trabalho, Gisele Daflon. O debate é aberto aos interessados e será coordenado pelo pesquisador do Cesteh, Alexandre Mosca. A atividade está marcada para às 14 horas, na sala 32 do Centro de Estudos da Saúde do Trabalhador. 

  2. NAF/ENSP celebra 20 anos de atuação como Centro Colaborador da Opas/OMS

    O Departamento de Política de Medicamentos e Assistência Farmacêutica da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, completa, em 2018, 20 anos de credenciamento como Centro Colaborador da Organização Pan Americana da Saúde e da Organização Mundial da Saúde em Políticas Farmacêuticas. Como parte da celebração destes 20 anos de trajetória, o NAF realizará, no dia 27 de novembro, um seminário comemorativo. Na ocasião, será lançado o novo site do NAF e um livreto sobre a história do departamento.

  3. 'Saúde é Meu Lugar': evento apresentará mostra de vivências nos territórios

    Um grande público, um palco simples e o trabalho na saúde em destaque: assim vai ser a mostra de vivências nos territórios Saúde É Meu Lugar - Narrativas 2018, marcada para o dia 26 de novembro, na Tenda da CiênciaA mostra marca o encerramento do primeiro ciclo do projeto Saúde É Meu Lugar, que nos últimos dois anos promoveu 30 mostras presenciais envolvendo mais de 4 mil pessoas em todo o país, além de manter uma mostra online que conta atualmente com cerca de 1,5 mil experiências inscritas.

  4. ENSP lança Núcleo Ecologias, Epistemologias e Promoção Emancipatória da Saúde em Encontro de Saberes

    A ENSP/Fiocruz realizará, de 26 a 28 de novembro, o Encontro de Saberes: Ecologias, Epistemologias e Promoção Emancipatória. O encontro marcará o lançamento do Núcleo de Ecologias. Segundo o coordenador do Núcleo, Marcelo Firpo, o principal objetivo do NEEPES é o desenvolvimento conceitual e metodológico na articulação de três campos de conhecimento em torno das lutas sociais por saúde e justiça das populações excluídas das cidades, campos e florestas. 

  5. Febre amarela: risco se aproxima e Ministério alerta para a vacinação

    A população que mora em áreas recomendadas para a vacina da febre amarela deve buscar a vacinação antes do início do verão, período de maior risco de transmissão da doença. O alerta do Ministério da Saúde se dá porque áreas recém-afetadas e com grande contingente populacional, como as regiões metropolitanas do Rio de Janeiro, Minas Gerias e São Paulo, ainda possuem um quantitativo elevado de pessoas não vacinadas, ou seja, que estão sob risco de adoecer. A doença tem alta letalidade, em torno de 40%, o que torna a situação mais grave.

  6. Epidemia das drogas psiquiátricas: 2º Seminário Internacional debate o tema

    O foco na medicalização e na abordagem biomédica, em detrimento da valorização dos aspectos psicossociais no tratamento de pessoas com transtornos mentais, faz mal à saúde. O tema esteve em debate no 2º Seminário Internacional A epidemia das drogas psiquiátricas, realizadode 29 a 31 de outubro de 2018 na Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP/Fiocruz).