1. Fiocruz realiza roda de conversa para celebrar o Dia Nacional da Consciência Negra

    Para celebrar o Dia Nacional da Consciência Negra, a Fundação Oswaldo Cruz realiza a quarta edição da roda de conversa Trajetórias Negras na Fiocruz em 21 de novembro, das 9h às 12h30, no auditório térreo da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (ENSP/Fiocruz). Trata-se de uma iniciativa do Comitê Fiocruz Pró-Equidade de Gênero e Raça que, este ano completa 10 anos e, desde 2018, tem organizado a atividade, a fim de reunir trabalhadores/as da instituição para discutir representatividade de pessoas negras e ações para o enfrentamento ao racismo institucional. 

  2. Comissão de Ciência, Tecnologia e Assistência Farmacêutica do CNS planeja ações para 2020

    A Comissão Intersetorial de Ciência, Tecnologia e Assistência Farmacêutica (Cictaf), do Conselho Nacional de Saúde (CNS), reuniu-se, na segunda-feira (18/11), com a intenção de definir seu planejamento estratégico para 2020. Na programação, Jorge Bermudez, pesquisador da Escola Nacional de Saúde Pública da Fiocruz e membro do Painel de Alto Nível do Secretário-geral das Nações Unidas em Acesso a Medicamentos, discorreu sobre o tema "Apresentação da Ciência, Tecnologia e Assistência Farmacêutica no contexto atual da saúde pública". O encontro, que também discute as ações realizadas pela comissão entre 2015 e 2018, segue nesta terça-feira.

  3. Pesquisadora da Fiocruz fala sobre a destruição do estado de bem estar social

    No artigo Apocalipse já: a destruição do estado de bem estar social, Sônia Fleury, doutora em Ciência Política e pesquisadora sênior do Centro de Estudos Estratégicos (CEE/Fiocruz), opina sobre as novas propostas de revisão constitucional – PEC 186 Emergencial e PEC 188 do Pacto Federativo, anunciadas pelo ministro Paulo Guedes. Fleury alerta que a proposta atual inclui o seguinte parágrafo único: “Será observado, na promoção dos direitos sociais, o direito ao equilíbrio fiscal intergeracional”. 
     

  4. Mudanças climáticas prejudicam saúde de crianças no mundo

    As mudanças climáticas que o mundo inteiro tem enfrentado já estão prejudicando a saúde de crianças e apontam consequências para toda a vida de uma geração inteira, de acordo com a contagem regressiva da Lancet para a Saúde e Mudanças Climáticas (Lancet Countdown on Health and Climate Change). O estudo – que reúne pesquisas de 35 instituições de abrangência global, incluindo a Fiocruz - foi lançado no Brasil nesta segunda-feira (18/11), durante evento realizado na Universidade de São Paulo (USP). A pesquisadora Sandra Hacon, da Escola Nacional de Saúde Pública, foi co-autora do documento que traz as recomendações políticas para o Brasil.
     

  5. OMS publica nova classificação sobre diabetes

    Em 14 de novembro comemora-se o Dia Mundial do Diabetes. Em 2019, a Organização Mundial de Saúde (OMS) publicou uma nova classificação revisada da doença. Desde 1965, a OMS atualiza e divulga periodicamente orientações sobre tal classificação, cujo objetivo é esclarecer sobre o atendimento clínico, orientar os profissionais de saúde na escolha de tratamentos adequados no momento do diagnóstico do diabetes e ainda fornece orientações práticas aos médicos quanto a atribuição do tipo de diabetes no momento do diagnóstico. A publicação está disponível na íntegra em inglês, no site da OMS.

  6. Perspectivas para a política de saúde mental no Brasil é o foco do 'Cadernos de Saúde Pública' deste mês

    O fascículo de novembro do CSP, que está on-line, expõe uma evidência cabal: o Brasil teve sucesso em construir uma ampla rede de serviços de atenção psicossocial em todo o território nacional, com Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) em suas diversas modalidades e tipos. Em 1998 eles eram 148, em 2014 passaram a 2.209. “Essa rede deveria ser motivo de orgulho de qualquer cidadão brasileiro frente à diversidade e à dimensão continental do Brasil.”