1. ENSP adere ao movimento Outubro Rosa para controle do câncer de mama

    A Escola Nacional de Saúde Pública aderiu ao movimento Outubro Rosa, que tem por objetivo promover a conscientização acerca da doença, compartilhar informações e estimular a participação da população no controle do câncer de mama. Para isso, os trabalhadores da ENSP se reuniram para uma foto que marca o apoio da instituição à campanha. A ENSP TV também acompanhou a iniciativa e coletou depoimentos sobre a importância do  movimento.

  2. Disponível nova edição do ‘Cadernos de Saúde Pública’

    A edição de setembro de 2014 da revista Cadernos de Saúde Pública (vol.30 n°9) aborda um problema enfrentado por milhares de pacientes que sofrem danos decorrentes da assistência insegura à saúde. De acordo com o editorial, assinado pela pesquisadora Enirtes Caetano Prates Melo, editora associada do Cadernos, o papel da assistência hospitalar tem sido amplamente discutido, como também a contribuição de fatores que interferem na distribuição do risco de ocorrência de incidentes em hospitais. “O mesmo não pode ser dito sobre a (in)segurança do paciente na atenção primária. A despeito do grande potencial de ocorrência de incidentes nesse nível de atenção, que envolve a maioria dos cuidados prestados, persistem diversas lacunas que tornam escassa a base de conhecimento sobre o tema nesse cenário.” O fascículo traz diversos artigos de autoria de pesquisadores da ENSP.

  3. Dihs oferece curso sobre Movimentos Sociais e Saúde

    O Grupo de Direitos Humanos e Saúde Helena Besserman (Dihs/ENSP) está com inscrições abertas para o curso de atualização Movimentos Sociais e Saúde. Coordenado pela pesquisadora da ENSP Lucia Souto, a proposta de formação abordará o tema a partir da experiência brasileira de construção social do direito à saúde. No primeiro momento, será fornecido um panorama da participação cidadã e do direito à saúde no Brasil. A partir de experiências vivas, será traçado o percurso da construção social do direito à saúde, e, por fim, serão discutido os desafios contemporâneos para a concretização desse direito na perspectiva dos valores do Movimento da Reforma Sanitária Brasileira. O curso acontecerá em quatro encontros, às quintas-feiras, no prédio da expansão, e terá início no dia 6/11. Os interessados devem solicitar a ficha de inscrição pelo e-mail dihs@ensp.fiocruz.br

  4. Mestrado voltado para controle da tuberculose segue com inscrições abertas

    Continuam abertas, até o dia 3 de novembro, as inscrições para o mestrado profissional em Epidemiologia e Controle da Tuberculose. O novo curso, desenvolvido a partir do consórcio entre ENSP, Centro de Pesquisa Aggeu Magalhães (CPqAM) e Fiocruz, visa formar gestores e profissionais de saúde para o fomento de pesquisa, ensino e desenvolvimento tecnológico no que diz respeito à vigilância e controle da tuberculose, além de outras micobacterioses de interesse sanitário. As inscrições devem ser feitas na Plataforma Siga Fiocruz.

  5. ENSP homenageia professores com ingressos para o espetáculo Rei Lear

    Em homenagem ao Dia dos Professores, comemorado em 15 de outubro, a Direção da ENSP está presenteando os docentes dos programas da Escola (stricto e lato sensu e de Educação a Distância) com um par de convites para assistir ao espetáculo Rei Lear, escrito por William Shakespeare, e que traz o ator Juca de Oliveira no papel-título. A homenagem é destinada a todos os professores da Escola e viabilizada por intermédio da Fundação para o Desenvolvimento Científico e Tecnológico em Saúde (Fiotec), considerando a Lei Rounet de incentivo à cultura. Os docentes poderão assistir ao espetáculo com direito a levar um acompanhante gratuitamente.

  6. Diretor da ENSP comenta mortes e internações em decorrência da má qualidade do ar

    A poluição do ar mata 14 pessoas por dia no estado do Rio de Janeiro. A área mais crítica é a Região Metropolitana. Em Nova Iguaçu e Duque de Caxias, a concentração de poluentes no ar chega a ser três vezes maior que o recomendado pela Organização Mundial da Saúde. Em entrevista ao jornal Bom Dia Brasil, da Rede Globo, o diretor da ENSP, Hermano Castro, falou sobre a preocupação com os impactos da poluição na saúde de moradores das duas maiores cidades do país, Rio e São Paulo.

  7. Vídeos e reportagens destacam participação da ENSP no Sibsa 2014

    O 2º Simpósio Brasileiro de Saúde e Ambiente, organizado pelo Grupo Temático de Saúde e Ambiente da Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco), agitou a capital mineira. De 19 a 22 de outubro, pesquisadores, representantes dos movimentos sociais e da sociedade civil estiveram reunidos para discutir os mais diversos temas relacionados à saúde e ambiente. As discussões resultaram na carta de BH, cujo objetivo é fornecer subsídios para a construção de uma política que efetivamente contemple a interface entre saúde e ambiente e reforce a interação entre os saberes acadêmico e popular. A ENSP TV produziu reportagem que traz uma avaliação do evento, além de apresentar uma novidade do Sibsa: a relatoria gráfica, uma prática trazida pelos movimentos sociais para as discussões do simpósio.

  8. Oficina debate propostas de formação em Trabalho, Saúde e Ambiente

    Com o objetivo de discutir e traçar estratégias de formação integrando as áreas de Trabalho, Saúde e Ambiente, ocorreu no dia 19 de outubro, em Belo Horizonte, a Oficina de Formação e Qualificação profissional no campo da Saúde, Trabalho e Ambiente, como parte do 2º Simpósio Brasileiro de Saúde e Ambiente.  A coordenação da atividade esteve a cargo do vice-diretor da Escola de Governo em Saúde da ENSP, Frederico Peres; de Rita Mattos, pesquisadora do Centro de Estudos da Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana (Cesteh/ENSP/Fiocruz); e da coordenadora da Secretaria Executiva da Rede de Escolas e Centros Formadores em Saúde Pública, Rosa Souza.