1. Cursos EAD/ENSP oferecem mais de 3 mil vagas

    Estão abertas as inscrições para diversos cursos da ENSP, na modalidade a distância. Entre as oportunidades estão a Especialização em Gestão de Redes de Atenção à Saúde e o Curso de Especialização Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana, o Curso de Aperfeiçoamento: Envelhecimento e Saúde da Pessoa Idosa, e o Curso de Atualização em Fortalecimento de Redes de Atenção e Prevenção à Violência no Território. Ao todo, são 3.600 vagas. As inscrições devem ser feitas pela internet. Confira todos os detalhes nos editais.
     

  2. Imprensa destaca estudos da Fiocruz sobre parto

    A pesquisa da Fiocruz Nascer no Brasil – Inquérito Nacional sobre Parto e Nascimento, coordenada pela pesquisadora da ENSP Maria do Carmo Leal, foi destaque na imprensa. O Portal iG e o Globo online trouxeram dados da pesquisa sobre o índice de cesariana no Brasil. Além disso, o Globo destacou outra pesquisa da Fiocruz intitulada Trajetória das mulheres na definição pelo parto cesáreo.

  3. Rio sedia 1º Fórum Médico Franco-Brasileiro

    O Rio sedia dias 24 e 25 de abril, o 1º Fórum Médico Franco-Brasileiro da Fondation de L'Académie de Médecine, instituição voltada para a promoção da medicina francesa no exterior, fomentar parcerias e difundir conhecimento médico. O evento, na Academia Nacional de Medicina (ANM), é uma realização conjunta  das academias de medicina do Brasil e da França. Durante dois dias, renomados especialistas médicos dos dois países vão apresentar estudos e debater temas relacionados à Obesidade, Medicina Robótica e Adolescência em um Mundo em Mutação.

  4. Concurso Fiocruz 2014: resultado das provas objetivas será no dia 21/4

    A Fundação Dom Cintra, organizadora do Concurso Fiocruz 2014, divulgou uma nota informando que o adiamento da divulgação do gabarito definitivo e do resultado da prova objetiva para o dia 21 de abril. O adiamento ocorreu devido à grande quantidade de recursos contra o gabarito da prova objetiva para os cargos de Técnico, Analista e Tecnologista, e a necessidade de análise criteriosa dos mesmos. 

  5. Consulta pública sobre critérios e parâmetros assistenciais de planejamento no âmbito do SUS

    O Ministério da Saúde, através da Secretaria de Atenção à Saúde (SAS), divulga Consulta Pública referente a critérios e parâmetros assistenciais de planejamento e programação no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS). A iniciativa tem o objetivo de construir parâmetros referenciais para o planejamento e programação das ações e serviços de saúde regidos pela lógica das necessidades de saúde da população e da organização de redes de atenção à saúde, garantindo um modelo de gestão eficiente e um modelo de atenção à saúde integral e resolutivo. 

  6. Rio e Suíça firmam parceria pela ciência

    “O desenvolvimento científico no Brasil é uma das fortes vertentes que estão moldando o futuro do mundo.” Por essa afirmação do conselheiro federal Johann Scheneider Ammann, ministro da Economia, Educação e Pesquisa da Confederação Suíça, pode-se compreender o interesse que o país tem em convergir os conhecimentos científicos e tecnológicos com o Brasil. Com esta finalidade, foi inaugurada na sexta-feira, 6 de abril, na Glória, no Rio de Janeiro, uma unidade do consulado científico – Swissnex – uma rede suíça de cooperação internacional entre governos, empresas e universidades de todo o mundo para o desenvolvimento de pesquisas de cunho científico e tecnológico. O Brasil é o sexto local escolhido para abrigar uma filial do consulado científico suíço, e o único na América Latina. 

  7. Nova política garante atendimento pelo SUS a presos no Brasil

    Planejar ações que garantam o direito à saúde para todas as pessoas do sistema prisional. Esse foi o objetivo da reunião entre especialistas em saúde pública, no dia 9 de abril, em São Paulo, quando debateram ações integradas em DST/aids para detentos no Estado de São Paulo. Segundo o coordenador de Saúde no Sistema Prisional, Vitor Eloy, há cerca de 550 mil presos no Brasil, sendo 40% em São Paulo.

  8. Especialistas debatem relação de dependência na saúde

    O primeiro seminário do ciclo de debates sobre o Sistema Único de Saúde que a ENSP está promovendo foi realizado no dia 10 de abril e teve como tema O segmento de Autogestão da Saúde Suplementar e sua relação com o SUS. O encontro reuniu os pesquisadores José Sestelo, do Tribunal Regional do Trabalho (TRT/Bahia), Carlos Octávio Ocké-Reis, do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e Ialê Falleiros, da Escola Politécnica em Saúde Joaquim Venância (EPSJV/Fiocruz), que abordaram a relação de dependência existente entre os setores público e privado de saúde no país.