1. Ministério da Saúde abre chamada para pesquisas de doenças transmissíveis e negligenciadas

    Conforme anunciado durante o XVI Encontro Anual do Programa de Pesquisa Translacional em Doença de Chagas (PIDC/Fio-Chagas), realizado pela Fiocruz, em Petrópolis, o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)  e o Ministério da Saúde, por intermédio do Departamento de Ciência e Tecnologia da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos (Decit/SCTIE), tornam pública a chamada para apoiar o desenvolvimento de pesquisas de cunho científico e/ou tecnológico relacionadas ao aprimoramento dos programas de vigilância, controle, erradicação e prevenção das doenças transmissíveis e negligenciadas no Brasil.

  2. 'Suicídio é o fato violento que mais mata no mundo', aponta Cecília Minayo

    Durante as comemorações dos 65 anos da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (ENSP/Fiocruz), realizado de 3 a 6 de setembro, uma dos temas em debate foi o suicídio, fato violento que mais mata no mundo, segundo a pesquisadora do Claves/ENSP, Cecilia Minayo. A mesa intitulada Falar é a melhor solução: Setembro Amarelo, contou com participação de pesquisadores do tema que abordaram diferentes aspectos sobre o suicídio, como suicídio de idosos, comportamento suicida na infância e adolescência, comportamento suicida na formação médica pediátrica, além da crise do suicídio indígena no Brasil. 

  3. Aposentadoria e formação de quadros foram debatidos nos 65 anos da ENSP

    O clima era de comemoração pelos 65 anos da ENSP, mas as informações trazidas pela mesa Aposentadorias e o desafio na formação de quadros são preocupantes. Na tarde de 3/9, as vice- diretoras da ENSP, Lucia Dupret (Ensino) e Sheila Mendonça (Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico) anunciaram que, em 2024, o corpo de servidores da ENSP ficará reduzido a menos de 50% do atual, caso se aposentem de fato. Para elas, é preciso pensar estrategicamente em ações para minimizar os impactos determinados pela conjuntura.
     

  4. Chico Alencar fala nos 65 anos da ENSP sobre a crise na Educação brasileira

    O professor, escritor e ex-parlamentar Chico Alencar foi o convidado da semana de aniversário da ENSP para falar sobre a crise na Educação. Ele iniciou sua palestra lembrando do patrono da educação brasileira. “Impossível falar em Educação sem citar Paulo Freire num momento de desconstrução da sua obra.” A coordenação da mesa foi da vice-diretora de Ensino da ENSP, Lucia Dupret.
     

  5. Fiocruz divulga nota em defesa da Pesquisa e da Pós-Graduação

    O Conselho Deliberativo da Fiocruz elaborou e divulgou a Nota em defesa da Pesquisa e da Pós-Graduação como patrimônios da sociedade brasileira. Em relação aos cortes recentes nos orçamentos e bolsas de estudantes da Capes e CNPq, a Presidência da Fundação informa que vem atuando em duas frentes principais. Externamente, a Fiocruz tem participado em mobilizações e iniciativas que reúnem as organizações da área de ciência e tecnologia e Instituições de Ensino e Pesquisa, em defesa da ciência e da Pós-Graduação no país, bem como na interlocução com as próprias agências de fomento e representantes do Executivo e do Legislativo. Confira a nota.

  6. 'Radis' faz ampla cobertura da 16ª Conferência Nacional de Saúde

    A revista Radis de setembro está no ar com a cobertura da 16ª edição da Conferência Nacional de Saúde, que reuniu cerca de cinco mil participantes em Brasília, entre 4 e 7 de agosto. “Sob a intenção de resgatar o lema da 8ª CNS Democracia e Saúde, os três mil delegados reafirmaram seu compromisso com o Sistema Único de Saúde.”
     

  7. Proqualis, coordenado por pesquisadora da ENSP, comemora 10 anos com evento em 18/9

    O Centro Colaborador para a Qualidade do Cuidado e Segurança do Paciente (Proqualis) completa 10 anos. Durante esse período, o trabalho em rede com pesquisadores da área e a parceria com hospitais de excelência e instituições internacionais levaram o Proqualis a se consolidar como um importante ator na disseminação de informações baseadas em evidências científicas e nas melhores práticas de cuidado de saúde. Margareth Portela, coordenadora geral do Proqualis e pesquisadora da ENSP, participará do evento. 
     
     

  8. Aposentadoria e formação de quadros foram debatidos nos 65 anos da ENSP

    O clima era de comemoração pelos 65 anos da ENSP, mas as informações trazidas pela mesa Aposentadorias e o desafio na formação de quadros são preocupantes. Na tarde de 3/9, as vice- diretoras da ENSP, Lucia Dupret (Ensino) e Sheila Mendonça (Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico) anunciaram que, em 2024, o corpo de servidores da ENSP ficará reduzido a menos de 50% do atual, caso se aposentem de fato. Para elas, é preciso pensar estrategicamente em ações para minimizar os impactos determinados pela conjuntura.
     

  9. Webconferência debate Vigilância em Saúde do Trabalhador

    O Centro de Estudos da Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana (Cesteh/ENSP/Fiocruz) promoverá, na terça-feira, 10 de setembro, a webconferência Vigilância em Saúde do Trabalhador . A atividade contará com a participação do pesquisador do Departamento de Direitos Humanos, Saúde e Diversidade Cultural (Dihs/ENSP), Luiz Carlos Fadel de Vasconcellos. A webconferência acontecerá das 14 às 16 horas e deve ser acessada Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP).

  10. Agronegócio concentra as maiores taxas de suicídio entre trabalhadores

    De acordo com a edição de agosto do Boletim Epidemiológico do Centro Colaborador da Vigilância dos Agravos à Saúde do Trabalhador do Instituto de Saúde Coletiva da Universidade Federal da Bahia (UFBA), o agronegócio é o setor econômico que concentra as maiores taxas de suicídio entre trabalhadores. De 2007 a 2015 foram registrados 77.373 suicídios, cerca de 8.597 por ano. Corresponde a uma mortalidade anual de 8,9 por 100.000 indivíduos em 2007, e de 10,5 em 2015.