1. Feira Agroecológica estimula troca de saberes sobre agricultura

    Como parte das atividades comemorativas do encerramento do ano letivo na ENSP, foi realizada pela segunda vez, a Feira Agroecológica Saberes e Sabores, que ofereceu alimentos saudáveis, produtos da roça e da agricultura urbana. A atividade teve como objetivo a troca de saberes sobre agricultura agroecológica e orgânica. A feira, realizada no dia 10 de dezembro, contou com a participação da Associação Terrapia, que ofertou produtos da chamada alimentação viva, além da exposição de produtores independentes que trouxeram para a ENSP diversos tipos de alimentos orgânicos.

  2. Tuberculose: encontro reúne bases para um plano global 2016-2020

    Pesquisadores, técnicos e representantes da sociedade civil de oito grupos de países, entre eles o Brasil, bem como especialistas da OMS e do Fundo Global de Combate à Aids, Tuberculose e Malária, reuniram-se para estabelecer as bases para um ambicioso Plano Global para Stop TB 2016-2020. Os participantes estão levantando os dados nacionais de TB para desenvolver cenários de aumento de escala para oito configurações de doenças e sistemas de saúde diferentes. Este workshop de três dias servirá de base para a avaliação do impacto potencial e dos custos necessários para cumprir as etapas de 2020 para a Estratégia StopTB.

  3. Leite materno: os desafios de garantir amamentação exclusiva até os seis meses

    Amamentar é um ato de amor. Você provavelmente já ouviu ou leu essa frase em algum lugar, e não costumam existir dúvidas a respeito do valor que o gesto tem. Porém, além de amor, o processo de amamentação envolve confiança, dedicação, apoio e muita informação. Muitas mães têm a sorte de viver esse momento de forma tranquila desde o princípio. O leite desce no tempo previsto, o filho pega bem o peito e os meses de mamadas dão força à relação dos dois e saúde ao recém-nascido. Para outras mães, contudo, um mundo de dificuldades se coloca no caminho, e o desafio é transpô-las sem perder a chance de viver uma fase única em afeto e aprendizado.

  4. Coordenador do Observatório Tuberculose Brasil da ENSP é novo secretário da Stop TB Brasil

    Nos dias 27 e 28 de novembro, na sede da Fiocruz Brasília, o coletivo da Parceria Brasileira contra a Tuberculose (Stop TB Brasil) se reuniu em uma assembleia comemorativa aos 10 anos da sua criação. Durante o evento, Carlos Basilia, coordenador de advocacy, comunicação e Mobilização Social do Observatório Tuberculose Brasil da ENSP, e membro do segmento ativismo da Parceria, foi eleito pelo como novo secretário executivo da Stop TB Brasil para o biênio 2015/2016.

  5. Pesquisadora da ENSP é nova coordenadora de fórum de pós-graduação em Saúde Coletiva

    Em reunião realizada nos dias 27 e 28 de novembro, na Faculdade de Arquitetura da UFRGS, em Porto Alegre, duas candidaturas concorreram à coordenação do Fórum, Silvana Granado (ENSP) e Rosana Onocko (FCM/Unicamp). Com uma diferença de apenas sete votos, a pesquisadora Silvana Granado Nogueira da Gama, epidemiologista com graduação em Enfermagem e Obstetrícia, mestrado e doutorado em Saúde Pública pela Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP/Fiocruz), é a nova coordenadora do Fórum de Coordenadores de Pós-Graduação em Saúde Coletiva, da Abrasco.

  6. Especialistas debatem critérios de avaliação da Capes

    Quatro palestrantes, quatro exposições e uma mesma conclusão para todos: é necessário se repensar os critérios de avaliação da Capes para os programas stricto sensu. O debate sobre este tema, realizado na ENSP em 24 de novembro, reuniu o coordenador-geral da área de Saúde Coletiva na Capes, Guilherme Werneck; o professor do IMS/Uerj, Kenneth Camargo Jr.; a professora da Faculdade de Ciências Médicas, da Unicamp Rosana Onocko Campos; e o pesquisador da ENSP e coordenador do Laboratório de Estudos e Pesquisas em Saúde Mental e Atenção Psicossocial (Laps/ENSP), Paulo Amarante. Confira, em vídeo, as apresentações de cada participante.

  7. Abrasme publica nota sobre regulamentação das comunidades terapêuticas

    A Associação Brasileira de Saúde Mental (Abrasme), que tem como presidente o pesquisador da ENSP Paulo Amarante, divulgou nota oficial sobre a regulamentação das comunidades terapêuticas. No texto, a Associação entende que a estratégia de regulamentação apresentada cumpre o objetivo de fortalecer as Comunidades Terapêuticas nos Sistemas Públicos e consequentemente seu financiamento público. Confira a íntegra da nota.

  8. Edição especial celebrará 2 mil publicações do Informe ENSP

    Nesta quinta-feira (13/11), o boletim Informe ENSP atinge a marca de duas mil edições pulicadas. O número expressivo se baseia na reformulação do antigo ENSP Notícias, em 2006, quando o sistema desenvolvido para a nova versão do informativo integrou o cadastro de notícias em uma única ferramenta, gerando, assim, a Edição nº 01 do Informe ENSP, em 16 de maio de 2006. Para celebrar esse momento, a edição 2 mil pretende resgatar alguns momentos de extrema importância para o campo da saúde pública, divulgados ao longo de todos esses anos pela ENSP. Confira, nesta quinta-feira, uma edição histórica e relembre momentos de grande significado para a instituição.

  9. 'Justiça com as próprias mãos só gera mais violência'

    Os principais jornais brasileiros trazem, esta semana, reportagens sobre uma chacina que matou pelo menos nove pessoas na periferia de Belém (PA). Para saber o que notícias como essas, infelizmente constantes no Brasil, falam sobre a nossa sociedade, o Informe ENSP conversou com a professora Cecília Minayo, coordenadora científica do Claves, o Centro de Estudos Latino-Americano da Violência e Saúde. Uma oportunidade de aprofundar um debate que tem deixado os ânimos exaltados nas redes sociais e caixas de comentários da internet.