1. Seminário comemorativo dos 25 anos da Editora Fiocruz terá transmissão on-line

    Em comemoração de seus 25 anos, a Editora Fiocruz sediará a 31ª Reunião Anual da Associação Brasileira das Editoras Universitárias (Abeu), que, em 2018, será realizada no âmbito do 1º Seminário Brasileiro de Edição Universitária e Acadêmica. A abertura do evento trará visões contemporâneas sobre os papéis do livro e contará com as participações da escritora Conceição Evaristo e da professora Eliana Yunes, do Instituto Interdisciplinar de Leitura da PUC-Rio (iiLer). Qual conhecimento, qual ciência, quais fronteiras? será o tema do encontro, que acontecerá no dia 22 de maio, terça-feira, às 14h30, no auditório do Museu da Vida. Após os Diálogos de Abertura, haverá apresentação do Ballet Manguinhos.

  2. Diversas atividades celebram o mês da Luta Antimanicomial

    No mês da Luta Antimanicomial, a Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca abriu as comemorações do movimento que reivindica o fechamento dos manicômios, a adoção de modelos alternativos de tratamento e reforço dos vínculos familiares e sociais, sem o isolamento dos indivíduos. A primeira atividade aconteceu dia 2 de maio, no Centro de Estudos que celebrou 40 anos da Lei Basaglia e homenageou o "Marco Cavalo", ícone da desmontagem dos manicômios de Trieste, na Itália. As ações prosseguiram nesta sexta-feira (18/5), Dia Nacional da Luta Antimanicomial, com um ato no centro do Rio de Janeiro, e continuam em 28 de maio, ocasião em que a ENSP/Fiocruz receberá a ex-usuária da psiquiatria Laura Delano, que contará suas experiências no serviço.

  3. Dois meses sem resposta, dois meses de silêncio

    Neste segunda-feira, 14 de maio, completam dois meses da brutal execução da vereadora Marielle Franco. Já são dois meses sem respostas, dois meses em silêncio. A ENSP não esqueceu e ainda quer saber: Quem matou Marielle? A Escola não se abaterá, seguirá firme na luta pelos direitos humanos, contra o genocídio de pobres e negros e contra o racismo.

  4. Alerj homenageia Cecília Minayo durante celebração dos 209 anos da PM-RJ

    A pesquisadora Maria Cecília Minayo, da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (ENSP/Fiocruz), será condecorada pela Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro no dia 14 de maio, às 14h, em solenidade que celebrará os 209 anos da Polícia Militar do Rio de Janeiro e homenageará os policiais militares mortos. A pesquisadora do Claves/ENSP receberá o Título Benemérito do Estado do Rio de Janeiro.

  5. Alerj homenageia Cecília Minayo durante celebração dos 209 anos da PM-RJ

    A pesquisadora Maria Cecília Minayo, da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (ENSP/Fiocruz), será condecorada pela Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro no dia 14 de maio, às 14h, em solenidade que celebrará os 209 anos da Polícia Militar do Rio de Janeiro e homenageará os policiais militares mortos. A pesquisadora do Claves/ENSP receberá o Título Benemérito do Estado do Rio de Janeiro.

  6. Cetab/ENSP atua em painel da Anvisa sobre dispositivos eletrônicos para fumar

    Em abril de 2018, a Anvisa reuniu entidades de controle do tabagismo, representantes da sociedade civil, da comunidade acadêmica e associações interessadas no registro dos Dispositivos Eletrônicos para Fumar (DEFs) para discutir a regulação do uso de cigarros eletrônicos, os riscos à saúde e a falta de estudos que comprovem eficácia e segurança do produto no país. O painel, que teve participação de representantes da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), Instituto Nacional de Câncer (Inca), Associação Médica Brasileira (AMB), Secretariado da Convenção Quadro para Controle do Tabaco da Organização Mundial da Saúde (OMS) e ainda do Centro de Estudos sobre Tabaco e Saúde, da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca da Fiocruz (Cetab/ENSP), foi analisado por especialistas como uma tentativa de a indústria do fumo pressionar a revisão a RDC 46/2009 alegando que os produtos são menos prejudiciais à saúde, por aquecer o tabaco em vez de queimá-lo.

  7. Fiocruz participa de evento sobre política de drogas e violência nos dias 4 e 5 de maio

    A Fiocruz participará, nos dias 4 e 5 de maio, o Encontro Territorial sobre Política de Drogas, Violência e Saúde, na Maré (Rio de Janeiro). O objetivo deste encontro é dar visibilidade a interconexão entre saúde, violência e política de drogas. As violências sistemáticas associadas à atual política de drogas e impactam a rotina da cidade - principalmente as favelas e áreas periféricas - atingindo a saúde física e mental dos moradores e trabalhadores destes territórios.