1. Fiocruz promove Roda de conversa Trajetórias Negras nesta quinta-feira (29/11)

    A Fiocruz, por meio do Comitê Pró-Equidade de Gênero e Raça, promove, nesta quinta-feira (29/11), a segunda edição da roda de conversa Trajetórias Negras na Fiocruz. O encontro acontece das 9h às 12h, na Tenda da Ciência Virgínia Schall, no Campus Manguinhos. As convidadas desta edição são a pesquisadora titular do Departamento de Saneamento e Saúde Ambiental, da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (ENSP), Maria José Salles, e a vice-presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Fiocruz (Asfoc-SN), Mychelle Alves, ambas integrantes do Comitê.

  2. Roda de Conversa debaterá o combate à violência contra a mulher nesta segunda-feira (26/11)

    O Comitê Pró-Equidade de Gênero e Raça da Fiocruz, a Coordenação-Geral de Gestão de Pessoas e a Ouvidoria realizam, nesta segunda-feira (26/11), a Roda de Conversa Combate à violência contra a mulher: desafios para a sociedade brasileira e na Fiocruz. O encontro acontece às 14h, no auditório da Asfoc, e faz referência ao Dia Internacional de Combate à Violência contra a Mulher, lembrado em 25 de novembro.
     

  3. Fiocruz e Justiça Federal desenvolvem programa de promoção de cidadania

    Representações da presidência da Fundação Oswaldo Cruz e trabalhadores de diferentes unidades se reuniram, na segunda-feira, 22 de outubro, com o juiz federal Vladimir Vitovsky do Centro de Atendimento Itinerante da Justiça Federal (CAIJF) no Campus Manguinhos, no Rio de Janeiro, para discutir o estabelecimento de um programa em rede destinado a alunos, trabalhadores, usuários dos serviços prestados pela Fiocruz e lideranças sociais de Manguinhos e bairros vizinhos.

  4. CNS e Fiocruz reafirmam compromissos em Atenção Primária

    Quarenta anos depois da Declaração de Alma Ata, que garantiu o direito humano universal à saúde, foi lançada a Declaração de Astana na Conferência Global de Atenção Primária à Saúde, que ocorreu nos dias 25 e 26 de outubro, no Cazaquistão. A Fiocruz e o Conselho Nacional de Saúde (CNS) reafirmaram o compromisso da Declaração de Alma Ata com a defesa da justiça social, a saúde para todos e a superação das desigualdades entre e no interior dos países.

  5. 'Saúde Mental e Trabalho' é o tema do Sala de Convidados

    O Sala de Convidados vai tratar de um assunto urgente no mundo contemporâneo: saúde mental e trabalho. A relação entre ambos circula em uma via de mão dupla hoje, já que, se por um lado transtornos mentais como depressão e ansiedade afastam cada vez mais pessoas de seus postos de trabalho, em muitos casos é o próprio trabalho que contribui para o adoecimento das pessoas, com ambientes de grande pressão e altos níveis de estresse.

  6. Fiocruz promove Seminário internacional 30 anos do SUS

    Há exatos 30 anos nascia o Sistema Único de Saúde (SUS), a maior política social que o Brasil já conheceu. Na mesma época,  uma unidade construída quatro anos antes na Fundação Oswaldo Cruz dava um passo que buscava expandir para o campo específico da educação os princípios que orientaram a construção do SUS: era criado o curso técnico de nível médio em saúde da Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio (EPSJV).

  7. Castelo Fiocruz iluminado de rosa

    O Castelo da Fiocruz recebeu esta semana iluminação especial, à noite, em adesão ao movimento Outubro Rosa. ascido na década de 1990, o movimento tem como objetivo compartilhar informações sobre o câncer de mama, promover a conscientização sobre a doença, proporcionar maior acesso aos serviços de diagnóstico e de tratamento e contribuir para a redução da mortalidade.

  8. Guerra semiótica, políticas sociais e saúde: oficina aborda o tema

    Quais as possibilidades de se empregarem estratégias de guerra semiótica na defesa de políticas sociais, em especial, da política de saúde e seu financiamento? Como lidar com o cenário atual, em que símbolos conhecidos convertem-se em ícones, rapidamente massificados e viralizados, em que em que o SUS e a educação pública têm seus significados alterados pelo uso dos armamentos dessa guerra? Essas questões orientarão a oficina Guerra semiótica, políticas sociais e saúde.