1. Em Pauta na Saúde repercute documento contra PL que libera cesarianas a partir da 37ª semana

    O programa Em Pauta na Saúde desta semana (25 a 29/7) repercutiu a carta aberta assinada por pesquisadores de diversas instituições de ensino e pesquisa contra o novo projeto de lei que pretende liberar cesarianas a partir da 37ª semana de gestação. O PL 5.687 contraria uma resolução do Conselho Federal de Medicina (CFM) que determina que o procedimento possa ser feito a pedido da mãe somente após a 39ª semana. O programa do Canal Saúde também exibiu reportagem sobre o evento Emergência Sanitária: contribuições da Fiocruz para a 1ª Conferência Nacional de Vigilância em Saúde, realizado na ENSP, e sobre a pesquisa inédita que detectou a presença do vírus zika em mosquitos Culex. Confira.

  2. ‘Estado de sítio fiscal no SUS’: série Futuros do Brasil discute o impacto do teto constitucional para despesas públicas

    O SUS está ameaçado! A proposta de constitucionalização de teto para despesas públicas (PEC 241/2016), em tramitação no Senado, afetará profundamente o Sistema Único de Saúde, já cronicamente subfinanciado, eliminando perspectivas de avanços na sua proposta de universalidade e na melhoria da qualidade da atenção. Os gastos federais com saúde e também com educação, hoje vinculados a percentuais mínimos da receita da União, deixariam de variar conforme essa receita. A proposta visa definir um teto para os gastos públicos com base no ano de 2016, marcado por recessão e gastos sociais baixíssimos, e retirar a obrigatoriedade de aplicação de um mínimo do orçamento público em saúde, setor com recursos hoje insuficientes para a cobertura dos 200 milhões de brasileiros.

  3. Fiocruz discute zika em simpósio sobre vigilância em saúde

    Com o objetivo de preparar-se para a 1ª Conferência Nacional de Vigilância em Saúde, que ocorrerá em abril de 2017 em Brasília, a Vice-Presidência de Ambiente, Atenção e Promoção da Saúde (VPAAPS/Fiocruz) promoveu, na última quinta-feira (21/7), o simpósio sobre aspectos diversos da zika, como epidemiologia, estudos clínicos, distribuição espacial e fatores socioambientais, além da vigilância em saúde e o SUS. Realizado no auditório do Escola Nacional de Saúde Pública (Ensp/Fiocruz), em Manguinhos, no Rio de Janeiro, o evento Emergência Sanitária: contribuições da Fiocruz para a 1ª Conferência Nacional de Vigilância em Saúde reuniu representantes da Fundação, do Ministério da Saúde e de diversas instâncias estaduais e municipais do Sistema Único de Saúde (SUS).
     

  4. Favelas cariocas são tema de exposição no Museu da Vida

    A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) inaugura em 28 de julho no Museu da Vida uma nova temporada da exposição O Rio que se queria negar: as favelas do Rio de Janeiro no acervo de Anthony Leeds. A mostra revela ao público parte do acervo fotográfico do antropólogo norte-americano Anthony Leeds, cedido por sua viúva, a cientista política Elizabeth Leeds, à Casa de Oswaldo Cruz (COC/Fiocruz) em 2014. As imagens exploram a estrutura das favelas cariocas e suas dinâmicas internas sob o olhar do antropólogo na década de 1960, período em que morou no Tuiuti e Jacarezinho.

  5. América Latina em foco no próximo debate on-line da série 'Futuros do Brasil', do CEE-Fiocruz

    A América Latina e seus caminhos, após o giro à esquerda empreendido no começo dos anos 2000, estará em foco no próximo debate online da série Futuros do Brasil, do Centro de Estudos Estratégicos da Fiocruz. Em torno do tema Futuros da América Latina: os ciclos da esquerda e da direita, estarão reunidos os professores Carlos Eduardo Martins, do Instituto de Filosofia e Ciências Sociais da UFRJ (Ifics/UFRJ) e José Maurício Domingues, do Instituto de Estudos Sociais e Políticos da Uerj (Iesp/Uerj), pesquisador associado do CEE-Fiocruz. O debate, realizado em parceria com o Centro de Relações Internacionais da Fiocruz (Cris/Fiocruz), será no dia 21 de julho, das 14h às 16h. Para participar, basta conectar-se por computador, tablet ou celular, ao blog do CEE-Fiocruz (cee.fiocruz).

  6. Simpósio na Fiocruz debate vírus zika e vigilância em saúde

    A Fundação Oswaldo Cruz promove na próxima quinta-feira (21/7) o simpósio Abordando a emergência sanitária: contribuições da Fiocruz para a1ª Conferência Nacional de Vigilância em Saúde, no auditório da Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP), no Campus Manguinhos. O evento terá como um dos temas principais o zika e os casos de microcefalia relacionados ao vírus. As inscrições podem ser feitas, gratuitamente, pelo link http://eventos.fiocruz.br/. Serão oferecidas 150 vagas.

  7. América Latina em foco no próximo debate on-line da série 'Futuros do Brasil', do CEE-Fiocruz

    A América Latina e seus caminhos, após o giro à esquerda empreendido no começo dos anos 2000, estará em foco no próximo debate online da série Futuros do Brasil, do Centro de Estudos Estratégicos da Fiocruz. Em torno do tema Futuros da América Latina: os ciclos da esquerda e da direita, estarão reunidos os professores Carlos Eduardo Martins, do Instituto de Filosofia e Ciências Sociais da UFRJ (Ifics/UFRJ) e José Maurício Domingues, do Instituto de Estudos Sociais e Políticos da Uerj (Iesp/Uerj), pesquisador associado do CEE-Fiocruz. O debate, realizado em parceria com o Centro de Relações Internacionais da Fiocruz (Cris/Fiocruz), será no dia 21 de julho, das 14h às 16h. Para participar, basta conectar-se por computador, tablet ou celular, ao blog do CEE-Fiocruz (cee.fiocruz).

  8. Proqualis promove palestra internacional sobre Resiliência no Cuidado em Saúde

    No dia 20 de julho, às 14h, o pesquisador Erik Hollnagel ministrará a palestra Resilient health care and patient safety (Resiliência no cuidado em saúde e segurança do paciente). Hollnagel é psicólogo e um especialista reconhecido internacionalmente nas áreas de engenharia de resiliência, análise da confiabilidade humana, engenharia de sistemas cognitivos e sistemas homem-máquina inteligentes. O evento é promovido pelo Proqualis/Icict da Fiocruz, em parceria com o Departamento de Engenharia Industrial e o Programa de Graduação em Informática, ambos ligados à Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). A palestra será realizada no auditório do Icict, no 2º andar da Biblioteca de Manguinhos. As vagas são limitadas e as inscrições deverão ser feitas por e-mail.