1. ENSP apresenta proposta de capacitação em Itaboraí

    Pesquisadores, alunos e colaboradores do Laboratório de Monitoramento Epidemiológico de Grandes Empreendimentos da ENSP (LabMep) estiveram no município de Itaboraí, na região metropolitana do Rio de Janeiro, em companhia de diversos secretários municipais, para a exposição do projeto ‘Aprender Fazendo’, voltado para a qualificação de 500 profissionais de saúde. Na ocasião, o coordenador do LabMep, Luciano Toledo, promoveu o lançamento dos Cadernos de Monitoramento Epidemiológico e Ambiental e apresentou o curso de especialização em Gestão da Atenção Básica e Promoção do Desenvolvimento Social, formulado pela ENSP a partir de uma demanda da secretaria Municipal de Saúde de Itaboraí.

  2. Pesquisador comenta alerta sobre as doenças transmitidas por vetores

    Na segunda-feira, 7 de abril, a OMS destacou como tema central do Dia Mundial da Saúde as doenças transmitidas por vetores. Com o slogan 'Pequenas picadas, grandes ameaças', a OMS alertou para as doenças causadas pelos organismos que transportam vírus, parasitos e bactérias. Para o pesquisador do Departamento de Endemias da ENSP, Paulo Sabroza a população "deve estar atenta ao movimento de emergência de novos padrões. Tratamos de agentes biológicos que estão em processo de evolução e adaptação às condições que nós criamos. E chamamos isso de antropização", comentou.
     

  3. Revista Cadernos de Saúde Pública comemora 30 anos

    Nas últimas três décadas, a revista Cadernos de Saúde Pública passou por muitas mudanças até alçar ao status de umas das mais conceituadas publicações científicas nacional e internacional, ocupando o 1º lugar em todas as áreas na base Scielo, com quase 25 milhões de acessos. Com o objetivo de comemorar a data, foi realizada uma solenidade especial que reuniu as atuais editoras e os ex-editores do Cadernos, além do diretor da ENSP, Hermano Castro e da vice-presidente de Ensino, Informação e Comunicação da Fiocruz, Nísia Trindade, para uma homenagem àqueles que construiram os trinta anos de história da publicação.

  4. Livro compartilha experiências da Fiocruz no Pmaq

    A Fundação Oswaldo Cruz, por meio da Escola Nacional de Saúde Pública, coordenou a execução da Fase 3 do Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (Pmaq AB) em nove estados brasileiros. A experiência adquirida com a avaliação das equipes de atenção básica e censo das unidades básicas de saúde motivou a criação do livro Rotas da Atenção Básica no Brasil: Experiências do Trabalho de Campo Pmaq AB, organizado pelas pesquisadoras Márcia Fausto e Helena Seidl. "A aposta da publicação está na possibilidade de produzir conhecimento por meio das observações realizadas no momento do trabalho de campo, que revelam os mais variados cenários municipais onde diariamente se constrói a Política Nacional de Atenção Básica", disseram as organizadoras. O lançamento do livro faz parte da programação do 11° Congresso Internacional da Rede Unida que acontece de 10 a 13 de abril no Centro de Convenções do Ceará, Fortaleza (CE).

  5. RBPG temática sobre cooperação internacional recebe propostas até 22 de abril

    Está aberto, até 22 de abril, o prazo para recebimento de propostas de contribuições autorais para a edição da Revista Brasileira de Pós-Graduação (RBPG), com tema A Cooperação Internacional e a Pós-Graduação Brasileira. Para esta edição, estão entre os objetivos a discussão dos desafios da política brasileira diante da expansão da cooperação internacional e o aumento da inserção da temática e do debate nos círculos especializados do Brasil, envolvendo diversos atores cujos interesses e ações influenciam a dinâmica nacional.

  6. Livro compartilha experiências da Fiocruz no Pmaq

    A Fundação Oswaldo Cruz, por meio da Escola Nacional de Saúde Pública, coordenou a execução da Fase 3 do Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (Pmaq AB) em nove estados brasileiros. A experiência adquirida com a avaliação das equipes de atenção básica e censo das unidades básicas de saúde motivou a criação do livro Rotas da Atenção Básica no Brasil: Experiências do Trabalho de Campo Pmaq AB, organizado pelas pesquisadoras Márcia Fausto e Helena Seidl. "A aposta da publicação está na possibilidade de produzir conhecimento por meio das observações realizadas no momento do trabalho de campo, que revelam os mais variados cenários municipais onde diariamente se constrói a Política Nacional de Atenção Básica", disseram as organizadoras. O lançamento do livro faz parte da programação do 11° Congresso Internacional da Rede Unida que acontece de 10 a 13 de abril no Centro de Convenções do Ceará, Fortaleza (CE).

  7. Atlas Brasil 2013 ganha dois novos idiomas: inglês e espanhol

    O site do Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil 2013 avança em uma etapa importante da promoção do livre acesso à informação. Inteiramente traduzido para o inglês e o espanhol, a ferramenta - que ficou conhecida por trazer o novo Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) - poderá agora também ser utilizada por usuários não lusófonos.

  8. Revista Cadernos de Saúde Pública comemora 30 anos

    Nas últimas três décadas, a revista Cadernos de Saúde Pública passou por muitas mudanças até alçar ao status de umas das mais conceituadas publicações científicas nacional e internacional, ocupando o 1º lugar em todas as áreas na base Scielo, com quase 25 milhões de acessos. Com o objetivo de comemorar a data, foi realizada uma solenidade especial que reuniu as atuais editoras e os ex-editores do Cadernos, além do diretor da ENSP, Hermano Castro e da vice-presidente de Ensino, Informação e Comunicação da Fiocruz, Nísia Trindade, para uma homenagem àqueles que construiram os trinta anos de história da publicação.

  9. Inscrições abertas para Escola de Altos Estudos em Toxicologia em Porto Alegre

    De 27 de abril a 2 de maio, em Porto Alegre/RS, ocorrerá a Escola de Altos Estudos (EAE) em Toxicologia: Avanços Tecnológicos voltados à Toxicologia e a Saúde. O encontro é destinado a alunos de pós-graduação cujos projetos de mestrado ou doutorado estejam na área de Toxicologia, sendo destinadas 85 vagas para doutorandos e 45 vagas para mestrandos. Adicionalmente, serão destinadas 35 vagas para pós-doutorandos e 35 vagas para docentes e pesquisadores de toxicologia de universidades brasileiras. As inscrições podem ser feitas até 13 de abril.

  10. Pesquisador comenta alerta sobre as doenças transmitidas por vetores

    Na segunda-feira, 7 de abril, a OMS destacou como tema central do Dia Mundial da Saúde as doenças transmitidas por vetores. Com o slogan 'Pequenas picadas, grandes ameaças', a OMS alertou para as doenças causadas pelos organismos que transportam vírus, parasitos e bactérias. Para o pesquisador do Departamento de Endemias da ENSP, Paulo Sabroza a população "deve estar atenta ao movimento de emergência de novos padrões. Tratamos de agentes biológicos que estão em processo de evolução e adaptação às condições que nós criamos. E chamamos isso de antropização", comentou.