1. Mestrado profissional de Avaliação em Saúde abre inscrições

    Estão abertas as inscrições para o mestrado profissional de Avaliação em Saúde da ENSP, coordenado pelas pesquisadoras Marly Marques da Cruz e Ana Cláudia Figueiró. Em sua quinta edição, o curso busca formar mestres em avaliação de programas de controle de processos endêmicos capazes de realizar trabalho avaliativo, considerando as dimensões sócio-histórica e técnico-operacional da avaliação, tendo por sustentação os processos de comunicação, educação permanente e reprodução de conhecimento em avaliação para o desenvolvimento de uma gestão transformadora. As inscrições vão até o dia 14 de novembro e devem ser feitas na Plataforma Siga SS.

  2. Parceria entre ENSP e CPqAM lança novo mestrado voltado para TB

    Estão abertas as inscrições para o mestrado profissional em Epidemiologia e Controle da Tuberculose. O novo curso foi desenvolvido em um consórcio entre a ENSP, o Centro de Pesquisa Aggeu Magalhães (CPqAM) e a Fiocruz. Este mestrado visa a formação de gestores e profissionais de saúde para o fomento de pesquisa, ensino e desenvolvimento tecnológico para a vigilância e controle da tuberculose e outras micobacterioses de interesse sanitário. As inscrições vão até o dia 3 de novembro e devem ser feitas pela Plataforma Siga.

  3. Saúde para quem precisa: Cesteh discute trabalho policial

    Se você assistiu ao filme Tropa de Elite, faça um exercício de memória: cite, de cabeça, três ou quatro características do personagem principal da trama, o Capitão Nascimento. Muito provavelmente, você lembrou do policial durão, incorruptível, violento, dado a tiradas sarcásticas. Frágil, debilitado, confuso não parecem combinar com o personagem que veio a se tornar um dos mais populares do cinema nacional. Mas se voltarmos a lembrar com atenção da trama, todas essas características estão lá: o Nascimento que grita com a mulher ao chegar em casa, sente dificuldade para expressar suas angústias diante do psiquiatra e quer sair do front. Se nem o cinema foi capaz de sensibilizar o senso comum com relação ao homem de carne e osso que vive sobre a farda, o que dizer da vida real? Heróis para alguns e vilão para outros é a dimensão humana do policial que acaba negligenciada, para o mal dele e da sociedade a quem se destinam seus serviços. Explorando as condições de trabalho destes profissionais, a pesquisadora do Claves/ENSP Patrícia Constantino fez palestra, em 14/10, em curso oferecido pelo Cesteh/ENSP.

  4. Parceria entre ENSP e CPqAM lança novo mestrado voltado para TB

    Estão abertas as inscrições para o mestrado profissional em Epidemiologia e Controle da Tuberculose. O novo curso foi desenvolvido em um consórcio entre a ENSP, o Centro de Pesquisa Aggeu Magalhães (CPqAM) e a Fiocruz. Este mestrado visa a formação de gestores e profissionais de saúde para o fomento de pesquisa, ensino e desenvolvimento tecnológico para a vigilância e controle da tuberculose e outras micobacterioses de interesse sanitário. As inscrições vão até o dia 3 de novembro e devem ser feitas pela Plataforma Siga.

  5. Dihs/ENSP abre inscrições para novo curso de atualização

    Estão abertas as inscrições para o curso de atualização das Informações Previdenciárias PEP/INSS/Niterói, oferecido pelo Grupo Direitos Humanos e Saúde da ENSP. As aulas serão ministradas pelas professoras Rita Costa e Dilama Ferreira. As vagas são limitadas.

  6. Curso de Qualificação de Auditoria e Ouvidoria inicia em oito Estados

    Teve início, nesta segunda-feira (13/10), o Curso Nacional de Qualificação de Auditoria e Ouvidoria do SUS. A iniciativa - uma parceria da Rede de Escolas e Centros Formadores em Saúde Pública, com a  ENSP, o Departamento Geral de Ouvidoria do SUS (Doges) e o Departamento Nacional de Auditoria do SUS (DenaSUS) da Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa do Ministério da Saúde (SGEP/MS) -, ocorre, nesta etapa, de forma simultânea em oito estados brasileiros: Alagoas, Ceará, Mato Grosso do Sul, Paraíba, Pernambuco, Paraná, São Paulo e Tocantins.

  7. ENSP ministra treinamento em ameaças biológicas em Curitiba

    Num mundo globalizado, ameaças de bioterrorismo e de surtos de doenças transmissíveis colocam todos os países em alerta, inclusive o Brasil, principalmente em tempos de grandes eventos de massa, quando a circulação de pessoas aumenta consideravelmente. Por isso, o país está buscando melhorar a sua capacidade de enfrentamento de situações de crise e a Fiocruz, como instituição de referência do Ministério da Saúde, assumiu um papel importante de formação de pessoal qualificado.

  8. Pós-graduação 2015: ENSP divulga resultados da prova de inglês

    Os programas de pós-graduação em Saúde PúblicaSaúde Pública e Meio Ambiente e Epidemiologia em Saúde Pública da ENSP/Fiocruz divulgaram os resultados da prova de inglês para a seleção 2015 no mestrado e doutorado. A lista apresenta a nota de cada candidato de acordo com seu número de inscrição, bem como a relação de isentos e ausentes. Confira no edital de cada programa os prazos para solicitação de recurso.

  9. Cesteh inaugura curso inédito sobre saúde do policial

    Sob a farda, um corpo de carne e osso, sujeito a tiros e outras formas de violência, que adoece e envelhece como qualquer um; sob o capacete, uma cabeça que pensa, sente e, às vezes, pifa. Eis o policial, agente do estado que muitas vezes nos acostumamos a ver como um autômato cumpridor de ordens. É ele o foco do curso do Centro de Estudos da Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana que começa na próxima segunda-feira (13/10), na ENSP.

     

  10. Escola capacita profissionais para prevenção de desastres naturais

    A capacitação de 110 agentes de saúde e de endemias em Petrópolis visando a prevenção de destastres na região ganhou destaque no Portal de Notícias G1, na segunda-feira, 6 de outubro. Com objetivo de fomentar, articular e mobilizar práticas educativas, além de executar ações de prevenção e primeiras respostas a desastres naturais, o curso de capacitação para Agentes Locais em Desastres Naturais: Defesa Civil e Saúde na Redução de Riscos é uma parceria entre a Fiocruz (ENSP, EPSJV e IOC), a UFF, a UFRJ e a Defesa Civil do Rio de Janeiro. A iniciativa é fruto do trabalho do Centro de Estudos e Pesquisas em Emergências e Desastres em Saúde (Cepedes/Fiocruz), coordenado pelo pesquisador da ENSP Carlos Machado de Freitas.