1. Instituições se unem para combater o agrotóxico

    A Fiocruz reuniu uma série de instituições para discutir o enfrentamento dos impactos dos agrotóxicos na saúde humana e no ambiente como forma de comemorar o Dia Mundial do Meio Ambiente (5/6). No discurso dos participantes, a certeza de que as substâncias não só contaminam o ar, o solo, a água, os alimentos, como provocam efeitos danosos ao ambiente e à saúde humana; e também muita preocupação em relação à importância que o agronegócio adquiriu na economia e nas finanças do país. O evento antecede a conferência Rio+20 e durante a abertura, na quarta-feira (4/6), os dirigentes das nove instituições presentes destacaram a necessidade de reunir esforços para a luta contra as consequências químicas, políticas e econômicas envolvidas na utilização da substância.

  2. Participe do debate virtual sobre Saúde na Rio+20 promovido pela ENSP

    Às vésperas da Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente, Rio+20, a ENSP quer ouvir a sociedade civil e lança uma questão em seu blog Saúde em Pauta: "Qual forma de desenvolvimento e de modo de produzir e consumir é desejável para a qualidade de vida e saúde da sua população mundial?" Participe das discussões da Rio+20 e deixe sua contribuição em http://saudeempauta.ensp.fiocruz.br. A Rio+20, que acontece de 13 a 22  de junho no Rio de Janeiro, marca os 20 anos de realização da Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento (Rio 92) e deverá contribuir para definir a agenda do desenvolvimento sustentável para as próximas décadas.

  3. Toninha: mutirão de limpeza de praias no dia 10/06

    Na equação para preservar as toninhas, conscientizar a população sobre a limpeza das praias e a preservação ambiental são fatores imprescindíveis para se obter resultados positivos. Cientes dessa condição, a Escola Nacional de Saúde Pública, em parceria com o jornal O Globo, a WWF-Brasil e o movimento Rio Eu Amo Eu Cuido, convida para o mutirão de limpeza das praias, no dia 10 de junho, coroando um conjunto de ações da campanha pela preservação do pequeno cetáceo. A atividade acontecerá nas praias de Copacabana, Ipanema e Leblon, a partir das 9h30. Todos estão convidados.

  4. Participe do debate virtual sobre Saúde na Rio+20 promovido pela ENSP

    Às vésperas da Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente, Rio+20, a ENSP quer ouvir a sociedade civil e lança uma questão em seu blog Saúde em Pauta: "Qual forma de desenvolvimento e de modo de produzir e consumir é desejável para a qualidade de vida e saúde da sua população mundial?" Participe das discussões da Rio+20 e deixe sua contribuição em http://saudeempauta.ensp.fiocruz.br. A Rio+20, que acontece de 13 a 22  de junho no Rio de Janeiro, marca os 20 anos de realização da Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento (Rio 92) e deverá contribuir para definir a agenda do desenvolvimento sustentável para as próximas décadas.

  5. O papel da mulher na Rio+20

    A participação feminina terá destaque na Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (Rio+20), que ocorre entre 13 e 22 de junho, no Rio de Janeiro. A ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, participou, na quarta-feira (30/5), em Brasília, da mesa-redonda 'Autonomia das mulheres e desenvolvimento sustentável na Rio+20' e classificou o tema como fundamental na definição de políticas para a área.

  6. Negociações sobre documento final da Rio+20 são retomadas em Nova York

    Começa nesta terça-feira (29/5) a terceira rodada informal de negociações do documento final da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (Rio+20). Solicitada pelos Estados no início do mês, a reunião adicional com representantes dos major groups acontece até 2 de junho na sede da ONU em Nova York, Estados Unidos.

  7. Campanha de preservação das toninhas chega às escolas

    A campanha Toninha, cadê você?, realizada pela ENSP em parceria com o jornal O Globo, vem ganhando cada vez mais colaboradores. Com o objetivo de divulgar esse discreto cetáceo – um primo pequeno das baleias, botos e golfinhos –, que corre risco de extinção, principalmente, por causa das redes de pesca e da poluição dos mares, a Escola criou também um site para a divulgação da campanha. Após o início da campanha, a preocupação com a preservação das toninhas vem ganhando rumos cada vez maiores e diversas escolas estão aderindo à campanha, incluindo, assim, jovens e crianças nas iniciativas de preservação do cetáceo, que se insere em um dos principais temas da Rio+20: o uso sustentável dos oceanos.

  8. Inpe e Rede Clima lançam cartilha educativa para a Rio+20

    O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) e a Rede Brasileira de Pesquisa sobre Mudanças Climáticas Globais (Rede Clima) produziram uma cartilha educativa, intitulada O futuro que queremos – economia verde, desenvolvimento sustentável e erradicação da pobreza. Voltada ao público em geral, a publicação apresenta os conceitos de economia verde e sustentabilidade e a importância da erradicação da pobreza, que são temas que serão discutidos durante a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (RIO+20), que será realizada de 13 a 22 de junho no Rio de Janeiro.

  9. Sanitarista lembra que saúde está fora da agenda da Rio+20

    O ex-presidente da Fundação Oswaldo Cruz e coordenador do Centro de Relações Internacionais em Saúde da instituição, Paulo Buss, afirma, em entrevista exclusiva para a edição de terça-feira (22/5) do jornal O Globo, que o tema Saúde está fora da agenda da conferência Rio+20. “Diferentemente do que ocorreu na Rio 92, em que havia um capítulo inteiro da Agenda 21 dedicado à saúde e uma menção importante na Declaração do Rio ("o ser humano está no centro da preocupação ambiental"), na Rio+20 o tema não foi incorporado ao documento que está sendo elaborado”, afirma o representante da Fiocruz na Rio+20.