1. PPGBIOS participa de reunião anual da Cátedra Unesco de Bioética

    Foi realizada, nesta segunda-feira, 20/3, em Limassol, Chipre, a reunião anual das unidades que formam a International Network of the Unesco Chair in Bioethics, do Centro Internacional de Saúde, Direito e Ética da Universidade de Haifa, em Israel. Entre as 154 unidades participantes, de 125 diferentes países, está a Unidade Rio de Janeiro - Brasil, instalada na ENSP. A Escola participa por intermédio do Programa de Pós-Graduação em Bioética, Ética Aplicada e Saúde Coletiva (PPGBIOS), sob a responsabilidade do pesquisador e coordenador geral do PPGBIOS, Sergio Rego.

  2. ENSP realiza I Colóquio Latino-Americano de Formação em Saúde Pública

    Desde o ano de 2014, a Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (ENSP) desenvolve diferentes tipos de cooperações com instituições formadoras em Saúde Pública de Cuba, com vistas a fortalecer a capacidade de governança dos sistemas de saúde de ambos os países. Como fruto dessa relação, a ENSP realizou, em 2015, o I Colóquio Brasil-Cuba de Formação em Saúde Pública, considerado um sucesso. Sua segunda edição ocorreu no ano seguinte em Cuba. Para 2017, como não poderia ser diferente, a Escola está preparando novamente um grande encontro. No entanto, ele será mais abrangente e, portanto, intitulado I Colóquio Latino-Americano de Formação em Saúde Pública, cujo principal objetivo é possibilitar o intercâmbio de experiências exitosas de formação em saúde pública. A ideia é estreitar o diálogo e o crescimento conjunto de instituições-chave do Brasil e de Cuba, as quais, cotidianamente, enfrentam o desafio de qualificar recursos humanos para seus sistemas de saúde. O encontro acontecerá de 8 a 10 de maio na ENSP. Faça sua inscrição, participe! Acompanhe aqui a programação preliminar. 

  3. ENSP realiza I Colóquio Latino-Americano de Formação em Saúde Pública

    Desde o ano de 2014, a Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (ENSP) desenvolve diferentes tipos de cooperações com instituições formadoras em Saúde Pública de Cuba, com vistas a fortalecer a capacidade de governança dos sistemas de saúde de ambos os países. Como fruto dessa relação, a ENSP realizou, em 2015, o I Colóquio Brasil-Cuba de Formação em Saúde Pública, considerado um sucesso. Sua segunda edição ocorreu no ano seguinte em Cuba. Para 2017, como não poderia ser diferente, a Escola está preparando novamente um grande encontro. No entanto, ele será mais abrangente e, portanto, intitulado I Colóquio Latino-Americano de Formação em Saúde Pública, cujo principal objetivo é possibilitar o intercâmbio de experiências exitosas de formação em saúde pública. A ideia é estreitar o diálogo e o crescimento conjunto de instituições-chave do Brasil e de Cuba, as quais, cotidianamente, enfrentam o desafio de qualificar recursos humanos para seus sistemas de saúde. O encontro acontecerá de 8 a 10 de maio na ENSP. Faça sua inscrição, participe! Acompanhe aqui a programação preliminar. 

  4. ENSP realiza I Colóquio Latino-Americano de Formação em Saúde Pública

    Desde o ano de 2014, a Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (ENSP) desenvolve diferentes tipos de cooperações com instituições formadoras em Saúde Pública de Cuba, com vistas a fortalecer a capacidade de governança dos sistemas de saúde de ambos os países. Como fruto dessa relação, a ENSP realizou, em 2015, o I Colóquio Brasil-Cuba de Formação em Saúde Pública, considerado um sucesso. Sua segunda edição ocorreu no ano seguinte em Cuba. Para 2017, como não poderia ser diferente, a Escola está preparando novamente um grande encontro. No entanto, ele será mais abrangente e, portanto, intitulado I Colóquio Latino-Americano de Formação em Saúde Pública, cujo principal objetivo é possibilitar o intercâmbio de experiências exitosas de formação em saúde pública. A ideia é estreitar o diálogo e o crescimento conjunto de instituições-chave do Brasil e de Cuba, as quais, cotidianamente, enfrentam o desafio de qualificar recursos humanos para seus sistemas de saúde. O encontro acontecerá de 8 a 10 de maio na ENSP. Faça sua inscrição, participe! Acompanhe aqui a programação preliminar. 

  5. Artigo sobre transmissão da malária em RO é destaque na Plos One

    A Revista científica Plos One publicou, na terça-feira (21/2), o artigo The role of spatial mobility in malaria transmission in the Brazilian Porto Velho municipality, Rondônia, Brazil (2010-2012), de autoria da pesquisadora Jussara Rafael Angelo, da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, da Fiocruz. O trabalho, orientado pelo pesquisador Carlos Afonso Nobre, é resultado da tese de doutorado Modelagem Espacial Dinâmica dos Determinantes Sociais e Ambientais da Malária e Simulação de Cenários 2020 para Município de Porto Velho - RO, desenvolvida no Centro de Ciência do Sistema Terrestre (PGCST/INPE), com colaboração da ENSP/Fiocruz e Fiocruz-RO. A Plos One é uma revista científica de acesso livre, disponível on-line, publicada pela Public Library of Science.

  6. Artigo sobre transmissão da malária em RO é destaque na Plos One

    A Revista científica Plos One publicou, na terça-feira (21/2), o artigo The role of spatial mobility in malaria transmission in the Brazilian Porto Velho municipality, Rondônia, Brazil (2010-2012), de autoria da pesquisadora Jussara Rafael Angelo, da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, da Fiocruz. O trabalho, orientado pelo pesquisador Carlos Afonso Nobre, é resultado da tese de doutorado Modelagem Espacial Dinâmica dos Determinantes Sociais e Ambientais da Malária e Simulação de Cenários 2020 para Município de Porto Velho - RO, desenvolvida no Centro de Ciência do Sistema Terrestre (PGCST/INPE), com colaboração da ENSP/Fiocruz e Fiocruz-RO. A Plos One é uma revista científica de acesso livre, disponível on-line, publicada pela Public Library of Science.

  7. ENSP e Uruguai debatem atenção primária em saúde

    Com o objetivo de fortalecer as capacidades formativas em saúde nas áreas de fronteiras entre Brasil e Uruguai, a Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca sediou uma oficina de trabalho em atenção primária em saúde, cujo objetivo foi debater o programa de formação direcionado a gestores de saúde municipais localizados nas zonas fronteiriças dos dois países em questão. 

  8. ENSP e Uruguai debatem atenção primária em saúde

    Com o objetivo de fortalecer as capacidades formativas em saúde nas áreas de fronteiras entre Brasil e Uruguai, a Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca sediou uma oficina de trabalho em atenção primária em saúde, cujo objetivo foi debater o programa de formação direcionado a gestores de saúde municipais localizados nas zonas fronteiriças dos dois países em questão. 

  9. Saúde Ambiental: ENSP e instituto cubano assinam plano de trabalho

    A Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca e o Instituto Nacional de Higiene, Epidemiologia e Microbiologia de Cuba (Inhem) assinaram um plano de trabalho em Saúde Ambiental para o biênio 2017/2018. O acordo foi firmado em novembro de 2016 na ENSP, com a presença do vice-diretor do Inhem, Adolfo Perez. Além desse plano de trabalho, foi discutida a participação de profissionais cubanos no III Colóquio Brasil-Cuba de Formação em Saúde Pública e, ainda, a realização de um seminário satélite que vai ao encontro do tema saúde ambiental.