1. Regionalização e conformação de Redes pautaram seminário na ENSP

    Ao final de 2016, o Departamento de Administração e Planejamento em Saúde da Escola Nacional de Saúde Pública (Daps/ENSP) organizou o seminário Desafios da Regionalização e Conformação de Redes de Atenção em Contexto de Desigualdades Territoriais. A atividade reuniu pesquisadores da ENSP e outras instituições de ensino e pesquisa que debateram, entre outros assuntos, desigualdade e fragmentação de políticas e sistemas de saúde, desigualdade e diversidade territorial, desafios de governança regional no SUS, além de desafios da integração na atenção básica. O primeiro dia do evento, 12 de dezembro, contou com a participação de Asa Cristina Laurell, umas das pesquisadoras mais representativas da corrente da medicina social latino-americana, que apresentou uma reflexão sobre as redes de atenção nos sistemas de saúde latino-americanos. 

  2. Regionalização e conformação de Redes pautaram seminário na ENSP

    Ao final de 2016, o Departamento de Administração e Planejamento em Saúde da Escola Nacional de Saúde Pública (Daps/ENSP) organizou o seminário Desafios da Regionalização e Conformação de Redes de Atenção em Contexto de Desigualdades Territoriais. A atividade reuniu pesquisadores da ENSP e outras instituições de ensino e pesquisa que debateram, entre outros assuntos, desigualdade e fragmentação de políticas e sistemas de saúde, desigualdade e diversidade territorial, desafios de governança regional no SUS, além de desafios da integração na atenção básica. O primeiro dia do evento, 12 de dezembro, contou com a participação de Asa Cristina Laurell, umas das pesquisadoras mais representativas da corrente da medicina social latino-americana, que apresentou uma reflexão sobre as redes de atenção nos sistemas de saúde latino-americanos. 

  3. Regionalização e conformação de Redes pautaram seminário na ENSP

    Ao final de 2016, o Departamento de Administração e Planejamento em Saúde da Escola Nacional de Saúde Pública (Daps/ENSP) organizou o seminário Desafios da Regionalização e Conformação de Redes de Atenção em Contexto de Desigualdades Territoriais. A atividade reuniu pesquisadores da ENSP e outras instituições de ensino e pesquisa que debateram, entre outros assuntos, desigualdade e fragmentação de políticas e sistemas de saúde, desigualdade e diversidade territorial, desafios de governança regional no SUS, além de desafios da integração na atenção básica. O primeiro dia do evento, 12 de dezembro, contou com a participação de Asa Cristina Laurell, umas das pesquisadoras mais representativas da corrente da medicina social latino-americana, que apresentou uma reflexão sobre as redes de atenção nos sistemas de saúde latino-americanos. 

  4. Regionalização e conformação de Redes pautaram seminário na ENSP

    Ao final de 2016, o Departamento de Administração e Planejamento em Saúde da Escola Nacional de Saúde Pública (Daps/ENSP) organizou o seminário Desafios da Regionalização e Conformação de Redes de Atenção em Contexto de Desigualdades Territoriais. A atividade reuniu pesquisadores da ENSP e outras instituições de ensino e pesquisa que debateram, entre outros assuntos, desigualdade e fragmentação de políticas e sistemas de saúde, desigualdade e diversidade territorial, desafios de governança regional no SUS, além de desafios da integração na atenção básica. O primeiro dia do evento, 12 de dezembro, contou com a participação de Asa Cristina Laurell, umas das pesquisadoras mais representativas da corrente da medicina social latino-americana, que apresentou uma reflexão sobre as redes de atenção nos sistemas de saúde latino-americanos. 

  5. Acesse os vídeos da ENSP no canal do YouTube

    A ENSP possui um canal no YouTube no qual disponibiliza vídeos produzidos pelo Núcleo Audiovisual da Escola. Além de reportagens sobre aulas e eventos realizados na Escola, o espaço também apresenta entrevistas, projetos, entre outras produções com um conteúdo voltado para o campo da saúde pública.

  6. Centro de Estudos da ENSP discutiu política de comunicação da Fiocruz

    Tratada como área estratégica desde os tempos em que os pioneiros da Fiocruz registravam e publicavam suas expedições científicas, a comunicação da fundação vem passando por uma série de transformações importantes nas últimas décadas, o que fez surgir a necessidade uma política própria para o setor. Em discussão desde junho de 2015, a Política de Comunicação da Fiocruz esteve em consulta pública até o último dia 9 de setembro e agora aguarda que a câmara técnica responsável analise todo conteúdo enviado colaborativamente nesta consulta, para apresentá-lo ao Conselho Deliberativo da Fiocruz. Entre outros eventos em que se discutiu o tema, foi realizado no dia 5 de setembro um debate no Centro de Estudos Miguel Murat de Vasconcellos da ENSP (Ceensp), com a participação de Rogério Lannes, coordenador do programa Radis e do vice-diretor do Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica (Icict/Fiocruz), Rodrigo Murtinho.

  7. Disponíveis on-line vídeos sobre saúde e ambiente

    Estão disponíveis on-line as apresentações do DSSA Debate realizado em homenagem ao dia Mundial do Meio Ambiente, celebrado em 5 de junho. Ao longo do mês a Escola Nacional de Saúde Pública, por intermédio do Departamento de Saneamento e Saúde Ambiental (DSSA/ENSP), promoveu uma série de atividades que debateram questões sobre saúde e ambiente. Encerrando as comemorações, foram realizadas, no dia 30 de junho, as palestras Limitações e incertezas em estudo de impacto ambiental: consequências sobre a saúde e o ambiente e Cidade, Saneamento e Saúde. As apresentações podem ser acessadas no Canal da ENSP no Youtube, confira.