1. Escola convida sua comunidade para conversa sobre gestão do trabalho

    O diretor da ENSP, Hermano Castro, convida a todos para uma conversa on-line sobre o momento atual que estamos vivendo frente à pandemia da Covid-19. Esse bate papo com a direção da Escola é voltado para pesquisadores e trabalhadores da nossa comunidade e está marcado para a próxima quinta-feira, 9/4, às 10h, no link que segue abaixo. Durante a reunião serão atualizadas as informações oficiais da ENSP e da Fiocruz frente à crise mundial em relação à gestão do trabalho, bem como os atendimentos que estão sendo realizados pelo Centro de Saúde Escola Germano Sinval Faria da ENSP.

  2. Pesquisadora da ENSP esclarece dúvidas sobre coronavírus

    É preciso andar pelas ruas de máscara para se proteger do coronavírus? Quais são os principais sintomas do COVID-19? Já há previsão de tratamento e vacina para o novo vírus? As crianças podem continuar frequentando as escolas? Que medidas são necessárias para se proteger da doença? Essas e outras dúvidas da população acerca do coronavírus foram respondidas pela pneumologista da ENSP, Patricia Canto, em entrevista ao RJ TV. Confira!

  3. ENSP participa de campanha para ampliação de acesso a medicamentos

    Você sabia que um terço da população mundial carece de acesso a medicamentos e que eles ocupam a segunda posição no ranking de gastos no sistema de saúde no mundo? Os dados são da Organização Mundial da Saúde (OMS) e acendem alerta para a necessidade de tornar os fármacos mais acessíveis à população. Diante dessa conjuntura, a Frente Parlamentar em Defesa da Assistência Farmacêutica, em conjunto com a Federação Nacional dos Farmacêuticos, elaborou uma Proposta de Emenda Constitucional que inscreve o acesso a medicamentos como um direito fundamental. Integrante desse Movimento, a ENSP participou de atividade para apresentar a campanha pela aprovação da PEC, realizada durante o Fórum Mundial das Resistências, que aconteceu no dia 23 de janeiro, em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul.

  4. ENSP participa de campanha para ampliação de acesso a medicamentos

    Você sabia que um terço da população mundial carece de acesso a medicamentos e que eles ocupam a segunda posição no ranking de gastos no sistema de saúde no mundo? Os dados são da Organização Mundial da Saúde (OMS) e acendem alerta para a necessidade de tornar os fármacos mais acessíveis à população. Diante dessa conjuntura, a Frente Parlamentar em Defesa da Assistência Farmacêutica, em conjunto com a Federação Nacional dos Farmacêuticos, elaborou uma Proposta de Emenda Constitucional que inscreve o acesso a medicamentos como um direito fundamental. Integrante desse Movimento, a ENSP participou de atividade para apresentar a campanha pela aprovação da PEC, realizada durante o Fórum Mundial das Resistências, que aconteceu no dia 23 de janeiro, em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul.

  5. ENSP debate produção de conhecimento em Política, Gestão e Cuidado em Saúde

    Quais são os efeitos da Austeridade Fiscal sobre a saúde? Por que o paradigma do cuidado é importante diante do retorno de fortes valores criados pela sociedade patriarcal? Qual a importância da investigação em serviços de saúde e da formulação de políticas sociais em momentos de crise? As respostas a essas e outras questões estiveram na pauta do encontro Produção de Conhecimentos em Política, Gestão e Cuidado em Saúde: construindo coletivamente e resistindo em tempos de crise, realizado no dia 12 de dezembro, na ENSP.

  6. ENSP debate produção de conhecimento em Política, Gestão e Cuidado em Saúde

    Quais são os efeitos da Austeridade Fiscal sobre a saúde? Por que o paradigma do cuidado é importante diante do retorno de fortes valores criados pela sociedade patriarcal? Qual a importância da investigação em serviços de saúde e da formulação de políticas sociais em momentos de crise? As respostas a essas e outras questões estiveram na pauta do encontro Produção de Conhecimentos em Política, Gestão e Cuidado em Saúde: construindo coletivamente e resistindo em tempos de crise, realizado no dia 12 de dezembro, na ENSP.

  7. 'Redes são mecanismos de desterritorialização e coexistência', aponta pesquisador argentino

    No âmbito do III Colóquio Latino-Americano de Formação em Saúde Pública, a ENSP recebeu o diretor do mestrado em Saúde Pública da Universidad de Rosario, na Argentina, Mario Rovere, que discorreu sobre a palestra Redes colaborativas em saúde – cooperação na formação de profissionais. A mesa foi coordenada pela vice-diretora de Escola de Governo em Saúde da ENSP e coordenadora da Secretaria Técnica Executiva da Rede Brasileira de Escolas de Saúde Pública (RedEscola), Rosa Souza. Confira as apresentações em vídeo e a cobertura completa da mesa.