1. Mapa de Conflitos Envolvendo Injustiça Ambiental e Saúde é destaque na imprensa

    O Diário Catarinense veiculou reportagem, em 15/12, sobre Mapa de Conflitos Envolvendo Injustiça Ambiental e Saúde, coordenado pelo pesquisador da ENSP Marcelo Firpo. A reportagem retrata que somente Santa Catarina possui 16 zonas onde interesses se confrontam, segundo o Mapa de Conflitos, que envolve injustiça ambiental e saúde no Brasil. O estudo desenvolvido desde 2008 apresentava 17, mas um dos entraves já foi resolvido. O mapeamento mostra que a maior parte dos conflitos no país está ligada à Amazônia e a outros locais com grandes áreas florestais. 
     

     

  2. Agência de notícias espanhola destaca pesquisa da ENSP sobre parto e nascimento

    O grande número de partos por cesariana no país, divulgado por intermédio da pesquisa Nascer no Brasil, da Escola Nacional de Saúde Pública, pautou a reportagem Brasil e o preocupante 'boom' de cesáreas, publicada pela agência de notícias espanhola Europa Press. A matéria destaca a alta taxa desse tipo de parto no país, que chega a 88% no sistema privado, além de comentar os riscos da cirurgia e os altos índices de nascimentos prematuros em consequência das cesarianas. A reportagem pode ser lida em espanhol ou em português

  3. Regulamentação da Lei Antifumo no Brasil repercute na imprensa

    O Decreto nº 8262/14 que entrou em vigor na quarta-feira (3/12)  regulamentando a Lei 12.546/11 de Ambientes Livres de Tabaco repercutiu na imprensa. A Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) alega que ao prever punições para o comércio e não para o fumante, o decreto que regulamenta a Lei Antifumo obriga os estabelecimentos a exercer papel de polícia. Os argumentos, no entanto, são contestados pela pesquisadora do Centro de Estudos sobre Tabaco e Saúde (Cetab/ENSP), Daniela Barata, que afirma não se tratar de uma restrição à liberdade de quem fuma, mas uma garantia do direito à saúde de quem não fuma. Para ela, o decreto traz grandes avanços ao, por exemplo, desconstruir a imagem publicitária de que fumar dá uma sensação de liberdade. "Ao restringir, você muda o paradigma", afirmou Daniela. O assunto repercurtiu no jornal Folha de São Paulo impresso e on-line. Leia as matérias na íntegra.

  4. Mapa de Conflitos é destaque na imprensa de todo o país

    Jornais de vários estados vêm destacando o aumento dos conflitos sociais no Brasil, registrado pelo Mapa de Conflitos Envolvendo Injustiça Ambiental e Saúde. Coordenado  pelo pesquisador da ENSP Marcelo Firpo, o projeto de mapeamento tem servido de fonte para reportagens que falam dos desafios que a presidente Dilma Rouseff vai enfrentar em seu segundo mandato. Numa reportagem que aborda também as dificuldades dos políticos brasileiros em se conectarem às demandas dos movimentos sociais, publicada pelo Diário da Manhã, de Goiás, Firpo fala da possibilidade de um aumento das tensões nas cidades brasileiras em 2015.

  5. Imprensa destaca pesquisa que relaciona agrotóxicos a distúrbios reprodutivos

    Rede Sul de Notícias e o Portal iG divulgaram duas reportagens, no dia 25 de novembro, acerca da pesquisa do aluno de doutorado em Saúde Pública e Meio Ambiente da ENSP Cleber Cremonese sobre os distúrbios reprodutivos que podem ser causados pela exposição aos agrotóxicos. De acordo com o aluno, algumas estruturas químicas do agrotóxico são semelhantes as dos hormônios. A semelhança faz com que aos receptores das células (que se ligam a estas substâncias) se confundam e passem a produzir mais ou até mesmo parem a produção de hormônios. Com isso, pode haver maior risco de infertilidade entre os trabalhadores rurais em comparação com os moradores de áreas urbanas.

  6. Pesquisador da ENSP opina, em revista científica, sobre direito à eutanásia

    A Revista ComCiência Online divulgou, no dia 9 de novembro, uma reportagem acerca da eutanásia. Recentemente, a jovem americana Brittany Maynard colocou fim à sua vida, aos 29 anos, por meio de suicídio assistido, decisão tomada em janeiro desse ano após descobrir um câncer cerebral irreversível. Na matéria, o pesquisador da ENSP e coordenador do curso de Pós-Graduação em Bioética, Ética Aplicada e Saúde Coletiva, Sergio Rego, afirmou que a bioética defende que a decisão de pôr fim à vida não pode ser exclusiva do médico. Confira a reportagem completa.
     

  7. Pesquisa sobre suicídio de idosos em destaque na imprensa

    A edição de domingo (9/11) do jornal A Tarde, de Salvador (BA), publicou uma extensa reportagem sobre causas de suicídios de pessoas idosas e a Pesquisa nacional sobre suicídio de idosos e proposta de atuação do setor da saúde, coordenada pelo Centro Latino-Americano de Estudos de Violência e Saúde Jorge Careli (Claves) da Escola Nacional de Saúde Pública (Ensp/Fiocruz) é citada no texto.

  8. Pesquisa Nascer no Brasil segue repercutindo na imprensa internacional

    A pesquisa Nascer no Brasil, realizada pela Fiocruz e coordenada pela pesquisadora da ENSP Maria do Carmo Leal, continua sendo destaque nos veículos de imprensa do país e de agências internacionais. Desta vez, o canal alemão Deutsche Welle revelou o esfoço do governo brasileiro para reduzir o grande número de cesarianas nos hospitais privados. A pesquisa coordenada pela Escola também já havia sido divulgada na Rede BBC.

     

     

  9. Modelo de desenvolvimento é o principal gerador de conflitos

    Reportagens publicadas em diversos jornais, na semana de 3 a 7 de novembro, mostraram um estudo da ENSP sobre conflitos sociais e ambientais no Brasil, por meio do Mapa da Injustiça Ambiental e Saúde. Marcelo Firpo, um dos responsáveis pela pesquisa, acredita que o modelo de densenvolvimento que estamos seguindo seria a principal causa dessas tensões. Para ele, não há crescimento econômico que justifique violência ou perda de qualidade de vida da população. Veja, abaixo, a íntegra da reportagem do jornal O Globo.