1. Dermatoses ocupacionais são problema de saúde pública no Brasil, aponta pesquisadora

    O último Encontros do Cesteh discutiu a Epidemiologia das dermatites de contato relacionadas ao trabalho em um serviço especializado. Na ocasião, a dermatologista do ambulatório do Cesteh, Maria das Graças Mota Melo, apresentou a pesquisa que analisou aspectos epidemiológicos das dermatites de contato, relacionadas ao trabalho, e do eczema das mãos nos pacientes atendidos no Cesteh/ENSP, no período de 2000 a 2014.

  2. Residência Multiprofissional em Saúde da Família: inscrições prorrogadas até 10/9

    Foram prorrogadas, até 10 de setembro, as inscrições para a Residência Multiprofissional em Saúde da Família, ano 2019/2021. Com a oferta de 34 vagas, o curso destina-se a capacitar profissionais graduados em enfermagem, odontologia, psicologia, nutrição, serviço social, farmácia e educação física para atuar nas Equipes de Saúde da Família e nos Núcleos de Apoio à Saúde da Família (Nasf).

  3. Onze estados estão com índices de vacinação contra pólio e sarampo abaixo da média nacional

    Em todo o país, onze estados estão abaixo da média nacional de cobertura vacinal da Campanha de Vacinação Contra a poliomielite e sarampo. Até quinta-feira (30/8), cerca de 76% das crianças brasileiras foram vacinadas. Segundo a última atualização enviada pelos estados, o Rio de Janeiro está com o menor índice de vacinação, seguido por Roraima, Distrito Federal, Pará, Amazonas, Acre, Bahia, Mato Grosso do Sul, Rio Grande do Sul, Piauí e São Paulo.

  4. Residência Multiprofissional em Saúde da Família: inscrições prorrogadas até 10/9

    Foram prorrogadas, até 10 de setembro, as inscrições para a Residência Multiprofissional em Saúde da Família, ano 2019/2021. Com a oferta de 34 vagas, o curso destina-se a capacitar profissionais graduados em enfermagem, odontologia, psicologia, nutrição, serviço social, farmácia e educação física para atuar nas Equipes de Saúde da Família e nos Núcleos de Apoio à Saúde da Família (Nasf).

  5. Cuidados paliativos: uma questão de direitos humanos, saúde e cidadania

    O Núcleo de Estudo e Pesquisa em Cuidados Paliativos do INI realizou, no dia 7 de agosto, sua primeira Oficina Itinerante de Cuidados Paliativos, com o apoio do Departamento de Direitos Humanos, Saúde e Diversidade Cultural da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (ENSP/Fiocruz). O encontro, que lotou o auditório do Pavilhão de Ensino e mais três salas de aula do Instituto, discutiu os cuidados paliativos e seus processos através de uma visão multidisciplinar, refletindo sobre a vida, a morte e o ato de morrer.

  6. Cuidados paliativos: uma questão de direitos humanos, saúde e cidadania

    O Núcleo de Estudo e Pesquisa em Cuidados Paliativos do INI realizou, no dia 7 de agosto, sua primeira Oficina Itinerante de Cuidados Paliativos, com o apoio do Departamento de Direitos Humanos, Saúde e Diversidade Cultural da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (ENSP/Fiocruz). O encontro, que lotou o auditório do Pavilhão de Ensino e mais três salas de aula do Instituto, discutiu os cuidados paliativos e seus processos através de uma visão multidisciplinar, refletindo sobre a vida, a morte e o ato de morrer.

  7. Promoção da saúde: ENSP recebe Academia Carioca

    A Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca inaugurou uma unidade do Programa Academia Carioca. O equipamento, segundo em operação no território de Manguinhos, funcionará de maneira articulada com o Centro de Saúde Escola Germano Sinval Faria (CSEGSF/ENSP). Seu objetivo é a promoção da saúde por meio da prática de atividade física regular, contribuindo não só para a redução de doenças crônicas não transmissíveis, como também para melhoria da qualidade de vida e do bem-estar físico, mental e social.