Especialização comemora uma década de atuação em prol da Atenção Básica

Publicada em
 
 
 

O Curso de Especialização em Gestão da Atenção Básica nos moldes da Residência celebrou 10 anos de atuação. A data foi marcada por uma homenagem àqueles que contribuíram para realização do curso, além do painel Os desafios para a formação em gestão da Atenção Básica. Na ocasião, houve, ainda, uma cerimônia de abertura que contou com a participação de gestores da Atenção Básica das três esferas de governo, Vice-Presidência de Ensino da Fiocruz, Direção e Vice-Direção de Ensino da ENSP, representante do Núcleo Estadual do Ministério da Saúde/RJ e chefia do Departamento de Administração e Planejamento em Saúde da ENSP.

Dez anos após sua criação, a grande maioria dos egressos atua na gestão do Sistema Único de Saúde (SUS). O curso tem como foco capacitar profissionais para conhecer, analisar, acompanhar e atuar na gestão da Atenção Básica das três esferas de governo: federal, estadual e municipal. Segundo a coordenadora da especialização, Roberta Gondim, desde sua concepção pedagógica, o curso tem por crença o Sistema Único de Saúde como política, como parte integrante do processo civilizatório, que tem no Estado e na sociedade sua grande ancoragem e potência democrática, principalmente na sua dimensão participava.

“Por ter em seu desenho pedagógico três campos de prática, em consonância com a gestão tripartite do SUS, é que, ao longo desses dez anos - de estreito contato com os processos políticos e gestores da política e das práticas da Atenção Básica em Saúde -, vivenciamos momentos bem distintos: desde aqueles extremamente positivos, como a consolidação da AB como política nacional, formulada e implementada de maneira pactuada entre diversos agentes sociais; até o adensamento e aprimoramento de seus dispositivos do cuidado, da gestão e da participação social”, destacou Roberta.

A coordenadora aproveitou o momento de comemoração para agradecer a confiança e o apoio ao longo dessa trajetória. Receberam seus agradecimentos a pesquisadora da ENSP, Helena Seidl, sua amiga pessoal, por ter gestado e executado o curso como ideia e prática; Edson Meneses provocador original da empreitada; os gestores das três instâncias de condução da AB (federal estadual e municipal) Andrea Melo, Monica Almeida, Taís Severino, Adriana Almeida, Alexandre Florêncio, Webster Pereira, Fabiane Minoso, Tatiane Tavares, Leonardo Graever, Maria Helena Carvalho. Além dos companheiros da ENSP e incentivadores, entre eles: Antônio Ivo de Carvalho, Tatiana Wargas, Alex Molinaro, Paulo Vieira, Luciane Vicente, Mari e Ana.
 


Maria Alice Pessanha e toda a equipe da Residência Multiprofissional em Saúde da Família (docentes, orientadores, coordenadores) também foram reconhecidos na fala de Roberta. “Desde o processo seletivo, no caminhar das práticas e nas discussões, a Residência nos presenteia com esses jovens maravilhosos, que são nossos alunos e alunas. E são exatamente eles e elas, ainda que poucos em escala (são 72 ao todo), mas suficientemente grandes em consistência, em profundidade, que demonstram estarmos no caminho certo, pois, além de estarem quase em sua totalidade envolvidos na gestão da AB, fazem a diferença”, finalizou a coordenadora.

+ Acesse a playlist 'Gestão da Atenção Básica comemora uma década de atuação'.

Cerimônia de abertura

A cerimônia de abertura contou com a participação da coordenadora do Curso de Especialização em Gestão da Atenção Básica, Roberta Gondim; do vice-diretor de Desenvolvimento Institucional e Gestão da ENSP, Alex Molinaro; da vice-presidente de Educação Informação e Comunicação da Fiocruz, Cristiane Vieira Machado; da coordenadora de lato sensu do Departamento de Administração e Planejamento da ENSP/Fiocruz, Lenice Reis; do coordenador do Programa de Residência do Núcleo Estadual do Ministério da Saúde do Rio de Janeiro, Marlon Padro; da superintendente da Atenção Primária da Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro, Thais Severino; e do superintendente de Atenção Primária do Município do Rio de Janeiro, Leonardo Graever.

Homenagens

Para celebrar os 10 anos da Especialização em Gestão da Atenção Básica nos moldes da Residência, foi realizada uma homenagem àqueles que contribuíram para o curso. Homenageado o egresso Felipe Pergentino, que deixou os colegas precocemente, mas foi exemplo de alegria, dedicação e solidariedade não apenas ao longo do curso, como também no exercício da gestão. A equipe da turma de 2015 (Ana Carolina Menezes, Lívia Nascimento, Janaína Nogueira, Janaína Camargo, Amanda Carletto e Priscilla Luz) foi convidada a entregar a homenagem à viúva de Felipe, Juliana Azevedo, à sua mãe Fátima Inês Pergentino e ao seu irmão Fábio Pergentino.

Para homenagear os docentes que passaram pelo curso em todas as edições, o professor Gustavo Matta entregou homenagem à professora Cristiane Vieira Machado. Também  homenageada, in memoriam, Regina Lúcia Dodds Bomfim, por abrir, no âmbito da Secretaria de Estado do Rio de Janeiro, o primeiro campo de prática do curso, ajudando a coordenação a formular o desenho pedagógico do curso, tendo feito parte do seu corpo docente. As professoras Roberta Gondim e Helena Seidl entregaram a homenagem à família (Renata, Rodrigo e Cláudia Bomfim).

Finalizando as homenagens, a equipe da coordenação do curso (Roberta Gondim, Gustavo Matta e Adelyne Pereira) homenageou a pessoa que representou o início de tudo: Helena Seidl. Ao final, Helena e Seidl e Gustavo Matta homenagearam Roberta Gondim, coordenadora do curso.

Assista, a seguir, o vídeo das homenagens.
 


Os desafios para formação em gestão da Atenção Básica

Celebrando os 10 anos de atuação do curso, foi realizado o painel Os desafios para formação em gestão da Atenção Básica, coordenado pelo pesquisador e coordenador da residência, Gustavo Matta. O painel contou com a participação da pesquisadora da Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio (EPSJV/Fiocruz), Mariana Nogueira, e da egressa da turma de 2013, a apoiadora institucional da Superintendência de Atenção Primária à Saúde da Secretaria Estadual de Saúde do Rio de Janeiro, Isis Botelho.

Mariana falou sobre os desafios para a formação em gestão da Atenção Básica em tempos de ameaças ao direito universal à saúde. Isis Botelho fez sua apresentação com base nos desafios da gestão da Atenção Primária à Saúde no Estado do Rio de Janeiro.

Confira, a seguir, as apresentações na íntegra.

 

 

Nenhum comentário para "Especialização comemora uma década de atuação em prol da Atenção Básica"

Ninguém ainda comentou esta matéria. Seja o primeiro!

comente esta matéria

Utilize o formulário abaixo para se logar.