SUS passa a oferecer novos tratamentos para sintomas do HPV

Publicada em
 
 
 

O HPV (Papilomavírus Humano), infecção transmitida sexualmente ou por contato pele a pele é uma doença que causa vários problemas à pessoa infectada. Um deles é o aparecimento verrugas nas genitais e no ânus. Para estes casos, a partir do ano que vem, o Sistema Único de Saúde (SUS) passa a oferecer duas novas opções de tratamento: os cremes podofilotoxina e imiquimode. A incorporação pelo Ministério da Saúde foi realizada no final de novembro deste ano, com o respaldo da Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no SUS (Conitec). A pasta tem até 180 dias para disponibilizar os fármacos à população.

O secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos, Marcos Fireman, explica que o HPV é uma infecção grave, pois alguns subtipos do vírus podem causar lesões no colo do útero precursoras de câncer. Esse tipo de câncer é o quarto que mais mata mulheres no Brasil. “Quanto mais ações de prevenção e tratamento nós oferecermos à população, mais estaremos contribuindo para melhorar a qualidade de vida do cidadão”, disse.

No Brasil, de acordo com pesquisa realizada pelo projeto POP-Brasil- Estudo Epidemiológico sobre a Prevalência Nacional de Infecção pelo HPV, encomendado pelo Ministério da Saúde, a prevalência estimada de HPV foi de 54,6%, sendo que 38,4% destes participantes apresentaram HPV de alto risco para o desenvolvimento de câncer. A pesquisa foi realizada em 26 capitais brasileiras e no Distrito Federal com 7.586 pessoas entrevistadas, sendo que 2.669 foram analisadas para tipagem de HPV. O estudo foi feito com jovens de 16 a 25 anos, sendo 5.812 mulheres e 1.774 homens.

Clique aqui e saiba mais. 

Nenhum comentário para "SUS passa a oferecer novos tratamentos para sintomas do HPV"

Ninguém ainda comentou esta matéria. Seja o primeiro!

comente esta matéria

Utilize o formulário abaixo para se logar.