Abrascão 2018: Divulgada a seleção de monitores

Publicada em
 
 
 

Está liberado o resultado do programa de monitoria do 12º Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva (Abrascão 2018), que acontecerá nos dias 24 e 25 de julho (pré-congresso), nas dependências da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), e entre 26 e 29 de julho, no campus Manguinhos da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). Confira tanto na sua caixa da entrada do e-mail de inscrição como no site e siga as orientações. Não perca o prazo para confirmação da sua participação: até 30 de junho.

Qualidade científica, espaço de trocas acadêmicas, de experiências profissionais e construção política pelo fortalecimento do SUS são alguns dos fatores que geram uma grande expectativa sobre o Abrascão 2018, ampliada pelo fato de o período congressual ser realizado dentro do campus Manguinhos – sede e principal centro histórico da Fiocruz. O forte contingenciamento financeiro justamente à saúde e à educação também colaboram negativamente com o quadro singular deste 2018. A procura foi acima das expectativas, com mais de 1.200 inscrições em duas semanas.

Diante dos fatos, decidiu-se aumentar em mais 100 vagas o programa, totalizando assim 400 monitores. Essa ampliação permitiu contemplar um número maior de interessados em participar do congresso e garantir ainda maior facilidade aos congressistas para obter informação e direcionamento durante o evento. Os voluntários terão um pequeno treinamento de um dia com a Método Eventos Científicos e serão distribuídos em escalas com horários dedicados à atuação no evento, seja nas áreas comuns, como corredores e alamedas, como ainda dentro das salas onde ocorrerão as mesas-redondas e palestras, tanto no pré-congresso, na Uerj, como também no congresso, na Fiocruz.

Responsável pela Comissão Organizadora Local para conduzir o processo, a subcomissão de mobilização social elaborou critérios, buscando equilibrar a diversidade de inscrições entre as instituições parceiras do Abrascão e alunos de outras instituições e estados, entre graduandos e pós-graduandos da Saúde Coletiva. Fabiana Pinto, graduanda de Saúde Coletiva do Instituto de Estudos em Saúde Coletiva da Universidade Federal do Rio de Janeiro (Iesc/UFRJ), destaca a importância dessa ação voluntária no processo de formação.

Clique aqui e leia a matéria na íntegra. 
 

 

Nenhum comentário para "Abrascão 2018: Divulgada a seleção de monitores"

Ninguém ainda comentou esta matéria. Seja o primeiro!

comente esta matéria

Utilize o formulário abaixo para se logar.