Cesteh celebra 30 anos de saúde do trabalhador, formação, pesquisa e assistência

Publicada em
 
 
 

Dezembro é um mês bem especial para o Centro de Estudos da Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana (Cesteh), uma das unidades da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (ENSP/Fiocruz). Há 30 anos, em dezembro de 1985, foi criado este centro, que funde sua história com a construção do campo da saúde do trabalhador no Brasil. Nesse período, o Cesteh foi protagonista na construção dessa área no âmbito do Sistema Único de Saúde, participando ativamente de eventos como as quatro Conferências Nacionais de Saúde do Trabalhador, a criação da Rede Nacional de Saúde dos Trabalhadores, além da construção da Política Nacional de Saúde do Trabalhador. Referência nacional na atualização de aporte teórico, conceitual e de inovação para a intervenção em saúde, trabalho e ambiente, o Cesteh vai celebrar suas três décadas de história com uma série de debates sobre as políticas públicas, atuação sindical, saúde ambiental e formação em saúde do trabalhador, que serão realizados entre dias 9, 10 e 11 de dezembro. A semana comemorativa é aberta a todos os interessados e não necessita de inscrição prévia.

Para a coordenadora do Centro de Estudos, Kátia Reis, “pretende-se que os 30 anos de fundação do Cesteh seja um marco para comemoração e reflexão do campo da saúde do trabalhador renovando, à luz das configurações atuais, o ideário da reforma sanitária e o pacto com os movimentos de trabalhadores para que, de fato, se efetivem as transformações necessárias as condições de vida e trabalho saudáveis”. Nessa perspectiva, ao longo de 2015, o Cesteh realizou encontros, em formato de roda de conversa, que debateram o trabalho e suas implicações na saúde e ambiente; a integração dos serviços com o ensino e a pesquisa; as interseções do ambiente na saúde e no trabalho; além do direito a saúde política e gestão em saúde do trabalhador.

Após os encontros realizados ao longo de 2015, o Cesteh promove essa semana comemorativa (9 a 11/12) com a realização de mesas redondas e debates que contam com a participação de pesquisadores da ENSP de outras instituições brasileiras. Segundo a coordenadora do Cesteh o evento se caracteriza por uma construção coletiva e integradora. O primeiro dia de atividades, marcado para 9 de dezembro, quarta-feira, contará com a presença da vice-presidente de Ensino, Informação e Comunicação da Fiocruz, Nísia Trindade, do diretor da ENSP, Hermano Castro, e da coordenadora do Cesteh, Kátia Reis. Os três vão compor a mesa de abertura, a partir das 9 horas.

Ainda no dia 9 de dezembro, após a mesa de abertura, haverá apresentação do Coral Agora Vaz, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e a apresentação de um vídeo sobre a inauguração do prédio do Cesteh. Em seguida terá início a mesa redonda que abordará a história do Cesteh e a saúde do trabalhador no Brasil. Marcada para às 10 horas, a atividade contará com a presença da coordenadora da Comissão da Verdade da Reforma Sanitária (CVRS), Anamaria Testa Tambellini e das pesquisadoras do Cesteh Fátima Pivetta e Jussara Brito. A também pesquisadora da unidade Cristina Strausz será mediadora da mesa redonda 30 anos do Cesteh e a Saúde do Trabalhador.

A tarde, o debate continua com mesa Capitalismo, políticas públicas e saúde do trabalhador, que terá como palestrantes a pesquisadora da Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio (EPSJV/Fiocruz) Virgínia Fontes, o pesquisador da Universidade Federal de São Paulo Francisco Lacaz, e o pesquisador da Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho (Fundacentro) José Marçal. O pesquisador do Departamento de Direitos Humanos, Saúde e Diversidade Cultural (Dihs/ENSP), Luiz Carlos Fadel será o mediador da mesa.

No dia 10 de dezembro, a partir das 9 horas, haverá a mesa redonda Lutas sociais, atuação sindical e a saúde do trabalhador, que contará com a participação de Rudá Ricci, do Instituto Cultiva de Minas Gerais, do professor da Universidade Estadual Paulista (Unesp/Marília) Giovanni Alves, e do pesquisador do Departamento de Endemias Samuel Pessoa (Densp/ENSP) Eduardo Stotz. A mesa será mediada pelo pesquisador do Cesteh José Augusto Pina. O debate continuará a tarde com a mesa redonda Diálogos entre Saúde do Trabalhador e saúde Ambiental, com a participação dos pesquisadores Fernando Carneiro, da Fiocruz Ceará, Jandira Maciel, da Universidade Federal de Minas Gerais e Marcelo Firpo, do Cesteh/ENSP. O também pesquisador do Cesteh Ary Miranda, mediará o debate marcado para às 13h30.

No último dia de atividades, sexta-feira, 11 de dezembro, às 9 horas, haverá a mesa-redonda Formação em Saúde do Trabalhador: políticas e perspectivas. A mesa será mediada pela coordenadora do Cesteh, Kátia Reis, e contará com a presença do representante da Coordenação Geral de Saúde do Trabalhador do Ministério da Saúde Jorge machado, da pesquisadora da Universidade Federal do Minas Gerais Elizabeth Costas Dias e do vice-diretor de Escola de Governo em Saúde da ENSP, Frederico Peres. Ao final do evento haverá o encerramento da atividade com o lançamento do folder do Cesteh.

Confira a programação completa da Semana Comemorativa Cesteh 30 anos.

 

Nenhum comentário para "Cesteh celebra 30 anos de saúde do trabalhador, formação, pesquisa e assistência"

Ninguém ainda comentou esta matéria. Seja o primeiro!

comente esta matéria

Utilize o formulário abaixo para se logar.