Acidente de trabalho infantil: números podem estar subnotificados

Publicada em
 
 
 

O pesquisador do Centro de Estudos da Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana da ENSP, Francisco Pedra, concedeu entrevista ao jornal O Globo, na edição de domingo (18/5), em que comentou os casos de morte de crianças e adolescentes no trabalho. A reportagem, intitulada "Trabalho mortal na infância", revela que, a cada mês, uma criança ou adolescente morre trabalhando no país. Para o pesquisador da ENSP, no entanto, o número de mortes é abaixo do esperado, já que alguns casos entram na estatística da saúde sem mencionar a relação com o trabalho.

Confira a reportagem completa.

Nenhum comentário para "Acidente de trabalho infantil: números podem estar subnotificados"

Ninguém ainda comentou esta matéria. Seja o primeiro!

comente esta matéria

Utilize o formulário abaixo para se logar.