ENSP e instituto do México farão capacitação em países latinos

Publicada em
 
 
 

cmachado_25-09.jpgComo parte do processo de ampliação da política de cooperação internacional da ENSP com países do continente, a Escola e o Instituto Nacional de Saúde Pública do México (INSP) estão firmando convênio para a implementação de cursos de Pós-Graduação em países latino-americanos. A cooperação é patrocinada pela Organização Pan-Americana de Saúde (Opas) e tem o objetivo de oferecer capacitação para os demais países da região em cursos Stricto sensu de mestrado e doutorado e Lato sensu através de ensino a distância. Para isso, uma delegação da ENSP chefiada pelo coordenador da Pós-Graduação, Carlos Machado, estará no México de 8 a 13 de outubro.

O acordo reforça a atuação da ENSP em países da América do Sul. A cooperação será feita na área de saúde publica e meio ambiente e, nesse primeiro encontro, serão discutidos os termos do convênio para a oferta dos cursos. De acordo com Carlos Machado, essa cooperação é de extrema importância para a Escola. Assim como os convênios com países africanos e com a Universidade de Córdoba, na Argentina, esse convênio também tem o objetivo de consolidar a ENSP como uma instituição de caráter nacional e internacional.

A delegação da ENSP também é composta pelo coordenador do Programa de Saúde Pública e Meio Ambiente da ENSP, Sérgio Koifman, pela coordenadora do EAD ENSP/Fiocruz, Lúcia Dupret, e pelo Vice-Presidente de Ambiente e Serviços de Referência da Fiocruz, Ary Carvalho de Miranda.

Nenhum comentário para "ENSP e instituto do México farão capacitação em países latinos"

Ninguém ainda comentou esta matéria. Seja o primeiro!

comente esta matéria

Utilize o formulário abaixo para se logar.